Publicidade

Estado de Minas

André Giusti lança primeiro livro de poemas

O autor utiliza relações amorosas e conflitos sociais como inspiração para escrever


postado em 11/11/2016 12:56 / atualizado em 11/11/2016 12:56

André também escreveu 'Histórias de pai, memórias de filho'(foto: Arquivo Pessoal)
André também escreveu 'Histórias de pai, memórias de filho' (foto: Arquivo Pessoal)
 
André Giusti escreveu o primeiro livro em 1996, e desde então, não parou mais de escrever contos. O autor de Voando pela Noite (até de manhã) lança o primeiro livro de poemas, Filmes em que morremos de amor, no Senhoritas Café (408 Norte, Bl. E, Lj. 402; 3340-2696), nesta sexta (11/11), às 19h30.
 
A paixão pela poesia é o motivo pelo qual o escritor conheceu o universo literário. Giusti escreveu cerca de 70 poemas desde a época de estudante. Apesar do vasto conteúdo, os contos ainda não são considerados o gênero predileto do autor. 

Morador de Brasília há 18 anos, ele tem como inspiração temas codianos como as relações amorosas e conflitos sociais. Este é o primeiro livro de Giusti publicado em parceria com a Editoria Patuá. O livro será vendido pelo valor de R$ 38. Mais informações: www.andregiusti.com.br.
 
Serviço
Lançamento do livro Os filmes em que morremos de amor, de André Giusti
Senhoritas Café (408 Norte, Bl. E, Lj. 402; 3340-2696). Nesta sexta (11/11), às 19h30. O livro será vendido a R$ 38. Entrada franca. Classificação indicativa livre.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade