Publicidade

Correio Braziliense

Após brincadeira machista, Otaviano Costa não apresenta 'Vídeo show'

Ontem, o apresentador fez uma piada em decorrência de uma briga no BBB, mas logo assumiu o erro e pediu desculpas durante o programa


postado em 05/04/2017 18:33 / atualizado em 05/04/2017 18:47

Otaviano Costa fez piada machista sobre briga no BBB e não agradou ao público feminino.(foto: Zé Paulo Cardeal/Globo)
Otaviano Costa fez piada machista sobre briga no BBB e não agradou ao público feminino. (foto: Zé Paulo Cardeal/Globo)

O machismo virou um assunto muito em pauta nesta semana na Rede Globo. Depois da polêmica envolvendo o ator José Mayer, é a vez de Otaviano Costa ser punido pela emissora por brincadeiras misógenas.

 

No programa de terça-feira (4/4), o apresentador do Vídeo show fez um comentário que não agradou ao público sobre as brigas que aconteceram no BBB17. O programa exibiu o momento em que Marcos se exaltou durante uma discussão com outros participantes do reality no dia anterior. O vídeo encerrava com Vivian perguntando: 'Precisa disso?'. Entre risos, Otaviano respondeu: 'Precisa sim, a gente gosta, ué. É bom agitar".

 

Com a repercussão negativa nas redes sociais, o apresentador tentou consertar e chegou a pedir desculpas durante a apresentação do Vídeo show. "Eu mesmo fiz uma brincadeira soando um machismo feio, grosso e desordeiro. Fiquei mal porque, ao zelar pela brinadeira do BBB, vi o quanto machista eu estava sendo e aparentemente estimular um homem apontando o dedo no rosto de uma mulher, coisa que eu abomino. Todos nós aprendemos com essas mudanças na sociedade", disse.

 

Arrependido pelo comentário, Otaviano afirma não apoiar a atitude de Marcos. "Eu não sou esse ser que eu abomino, é óbvio que é nojento qualquer situação que coloque uma mulher em uma situação como aquela. A vocês todo o meu respeito e o singelo pedido de desculpas", finalizou.

 

No dia seguinte ao comentário, o Vídeo show foi apresentado pelo colega Rafael Cortez. Segundo a Globo, a ausência do apresentador se deve a um rodízio.

 

 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade