Publicidade

Correio Braziliense

'Os dias eram assim' estreia com nudez de Sophie Charlotte

Nova supersérie da Globo se passa entre as décadas de 1970 e 1980, e mostra como pessoas comuns foram afetadas pelo contexto histórico do Brasil


postado em 18/04/2017 13:38

Sophie Charlotte aparece nua no primeiro capítulo da supersérie 'Os dias eram assim'(foto: Rede Globo/Reprodução)
Sophie Charlotte aparece nua no primeiro capítulo da supersérie 'Os dias eram assim' (foto: Rede Globo/Reprodução)

Na noite da última segunda-feira, 17, na faixas das 23h, foi ao ar o primeiro capítulo da nova supersérie da Globo, Os dias eram assim. E a produção já começou quente, com cenas de nudez da atriz Sohie Charlotte, que interpreta uma das protagonistas do seriado. 

Na trama, Sophie é a estudante Alice, que começa a história noiva do playboy Vitor (Daniel de Oliveira). Ousada e inquieta, a jovem vai perder o interesse pelo pretendente e se apaixonar pelo médico Renato (Renato Góes).

A série se passa entre as décadas de 1970 e 1980, intervalo de tempo em que o Brasil passou da repressão às Diretas. Os dias eram assim pretende retratar uma parte do que foi a ditadura militar, fazendo até uso de imagens de arquivo. 

Em meio ao amor impossível de Alice e Renator, entram em cena Túlio (Caio Blat) e Gustavo (Gabriel Leone), que se manifestam contra a construtora de Arnaldo (Antonio Caloni) - pai de Alice -, que apoia o governo militar. Perseguidos pela polícia, os dois fogem, mas Túlio é baleado pelas costas. Preso, ele é torturado.
 
Os próximos capítulos vão mostrar a aproximação cada vez mais intensa entre Alice e Renato. No entanto, os dois serão separados quando Vitor tramar uma emboscada para o jovem que o deixará na mira do governo militar, sendo obrigado a se exilar do país.  

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade