Publicidade

Correio Braziliense

Monstros clássicos ganharão filmes solos dentro de um mesmo universo

Os principais filmes do estúdio Universal Pictures se conectarão em um novo universo intitulado Dark universe


postado em 22/05/2017 18:40 / atualizado em 22/05/2017 18:43

A nova franquia da Universal junta os principais monstros do estúdio(foto: Universal/Reprodução)
A nova franquia da Universal junta os principais monstros do estúdio (foto: Universal/Reprodução)
 

A Universal Pictures resolveu juntar os principais monstros do estúdio em um mesmo universo intitulada Dark universe -- Universo obscuro. Nela, cada personagem ganha um filme solo, podendo ter futuramente uma reunião de todos. São eles: A múmia, Van Helsing, Drácula, Lobisomem, O homem invisível e a noiva de Frankenstein. 

 

 

 

A múmia será o primeiro filme a estrear, com lançamento em 9 de junho. A trama conta a história de uma antiga rainha que acorda trazendo uma maldade alimentada por milênios. Tom Cruise interpreta o protagonista, que sobrevive ao despertar da múmia e tenta descobrir os segredos dela. O filme é dirigido por Alex Kurtzman e escrito por Jon Spaihts. Sofia Boutella encarna a rainha e vilã do longa.

 

Confira o trailer de A múmia

 

 

Na sequência, o estúdio produz A noiva de Frankenstein, que tem estreia marcada para 14 de fevereiro de 2019. O longa será dirigido por Bill Condon e terá Javier Bardem na pele do monstro Frankenstein.

 

Com um elenco de estrelas, os outros filmes deste novo universo também contam com a participação de Johnny Depp, como o Homem Invisível, e Russell Crowe, como o Dr. Jekyll.

 

O personagem de Crowe deve servir como ponto de conexão entre todas as produções. Dr. Jekyll participa de uma misteriosa organização chamada Prodigium, que deverá encontrar os principais monstros do mundo. A primeira aparição do personagem é em A múmia

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade