Publicidade

Correio Braziliense

Conheça o primeiro bar de gelo de Brasília, inaugurado nesta quarta-feira

Batizado de Brasília Abaixo de Zero, bar ficará montado no Pátio Brasil Shopping, inicialmente, por seis meses


postado em 18/10/2017 20:50 / atualizado em 19/10/2017 18:14

(foto: Daniel Paiva/Divulgação)
(foto: Daniel Paiva/Divulgação)

 
Falta de chuvas, baixa umidade e os recordes de temperaturas mais alta sendo quebrados diariamente. Foi nesse cenário — aparentemente perfeito para a proposta — que o Distrito Federal ganhou, nesta quarta-feira (18/10), seu primeiro bar de gelo, o Brasília Abaixo de Zero. O local, cujo interior chega à inacreditável temperatura de -15ºC, está instalado no terceiro andar do Pátio Brasil Shopping.
 
 
A ideia foi trazida de maneira inédita para a capital federal pelos empresários brasilienses Fábio Santana e Gustavo Pereira. "Eu fiz uma viagem para Balneário Camboriú (SC), visitei um Ice Bar lá e isso me despertou o espírito empreendedor. Voltei para Brasília com essa ideia na cabeça e convidei um amigo para ser sócio", lembra Fábio.

O conceito da versão brasiliense, no entanto, é diferente da inspiração catarinense e mesmo de outros bares do tipo espalhados pelo mundo. Além do espaço com temperaturas negativas, o público também pode desfrutar de uma espécie de antessala — com temperatura ambiente —, que conta também com um bar, brinquedoteca para crianças, sala de reuniões e eventos e um painel 3D com representações de alguns dos monumentos de Brasília congelados.
 
 
 
Mas a parte congelada, é claro, é o grande destaque do Brasília Abaixo de Zero. Para montá-la, foram usadas 15 toneladas de gelo, trazido de São Paulo e mantido por ar-condicionados ligados 24 horas por dia. No local, foram construídas bancadas, cadeiras, representações de pontos turísticos de Brasília, como a Catedral, e uma poltrona inspirada na série Game of Thrones. Absolutamente tudo de gelo.
 
A ideia incial é que o bar fique montado por seis meses. "A gente acredita que em Brasília funciona muito bem essa questão da saudade", explica Fábio. "Mas podemos voltar no ano que vem com certeza. Também podemos ficar mais do que os seis meses iniciais", completa. Ainda segundo o empresário, já existem propostas de pessoas interessadas em levar a estrutura para outros estados.
 
(foto: Daniel Paiva/Divulgação)
(foto: Daniel Paiva/Divulgação)
 
 
Enquanto estiver em Brasília, o bar pode ser visitado das 10h às 22h de segunda a sábado e das 14h às 20h aos domingos e feriados. A entrada na parte que tem temperatura ambiente é gratuita. Já para acessar a área gelada é necessário desembolsar R$ 50 por meia hora. O preço inclui um drink e o empréstimo das vestimentas de frio.

A expectativa dos empresários é que 400 pessoas passem pelo local por dia. "Quero convidar o pessoal de Brasília que está nesse calor absurdo que estamos vivendo, para vir desfrutar de uma aventura congelante, com detalhes muito bem pensados, porque o público brasiliense merece o melhor", conclui Fábio.
 

Confira a 4ª edição do NQV News, gravada no Brasília Abaixo de Zero:

 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade