Publicidade

Correio Braziliense

Jota Quest comemora 20 anos de trajetória com DVD acústico

O grupo mineiro recebeu convidados como Milton Nascimento e Marcelo Falcão durante as gravações


postado em 31/10/2017 07:05

(foto: Cesar Ovalle/Divulgação)
(foto: Cesar Ovalle/Divulgação)
 
 
O pop do Jota Quest sempre foi elétrico. Mas, para comemorar 20 anos de carreira, a banda mineira, pela primeira vez, “desplugou” os instrumentos, ao gravar o DVD Acústico Jota Quest — Músicas para cantar junto, no qual registrou 25 canções — a grande maioria formada por hits que estão na cabeça e na boca dos fãs.

A gravação foi em 11 e 12 de maio, nos Estúdios Quanta, em São Paulo, com a presença de plateia formada por amigos, admiradores e pessoas ligadas à música. Antes, houve uma campanha de pré-lançamento, que antecipou 10 faixas; e, na mesma noite em que se apresentou no palco Mundo do Rock in Rio, o grupo liberou todo o conteúdo.

“Nesses 20 anos do Jota, lançamos três DVDs e oito CDs, mas faltava um registro audiovisual. Para gravar o primeiro acústico, tivemos que desconstruir o que havíamos feito com os instrumentos plugados, para poder reconstruir cada canção, praticamente da forma que foram criadas”, disse o vocalista Rogério Flausino ao Correio. “Para nós, que sempre trabalhamos com a eletricidade, não foi uma tarefa fácil, mas o resultado nos alegrou bastante”, acrescentou.

Inéditas

Entre as 25 músicas do repertório, há três inéditas: A vida e outras histórias (Marco Túlio Lara, Tibless, Simões e Leoni), Você precisa de alguém (Marcelo Falcão) e Morrer de amor, composta por Alexandre Carlo (Natiruts), inspirada nos versos do poeta gaúcho Mário Quintana — “Tão bom morrer de amor/ E continuar vivendo...”.

Para compor o setlist do Músicas para cantar juntos, foram reunidas canções marcantes de diferentes fases da trajetória do Jota Quest, entre elas as consagradas As dores do mundo, Dias melhores, Do seu lado, Encontrar alguém, Fácil, O vento, Só hoje e Vem andar comigo, além de Pra quando você lembrar de mim, escolhida como primeiro single. Há ainda Blecaute e Mandou bem, ambas feitas em parceria Nile Rodgers, lendário personagem da cena pop internacional.

Flausino justificou a participação no projeto acústico de Marcelo Falcão e Milton Nascimento. “O Jota é da mesma geração de Falcão e d’O Rappa, a banda da qual ele foi o vocalista e, além disso, somos amigos. Ele nos presenteou com Você precisa de alguém e dividiu a interpretação comigo. Já o Milton, somos do fã-clube dele há muito tempo. No nosso CD independente, nós o homenageamos ao gravar Sal da terra, uma canção icônica do Clube da Esquina. Para nossa satisfação, ele atendeu ao nosso convite e gravou comigo O Sol, do Tia Nastácia, que havíamos regravado antes.”

Com produção musical de Liminha (ex-Mutantes), que também tocou violão, o DVD tem direção-geral de Joana Mazzucchelli. No show da turnê dos 20 anos da banda, Rogério Flausino, Marco Túlio Lara, Paulinho Fonseca, PJ e Márcio Buzelin continuarão plugados, embora eventualmente uma ou outra música poderá ter sonoridade acústica. “No próximo ano, vamos levar o Músicas para cantar juntos a algumas cidades. E uma delas é Brasília, onde, pela primeira vez, vamos nos apresentar no Centro de Convenções Ulysses Guimarães”.

Acústico Jota Quest – Músicas para cantar junto
DVD com 25 faixas e CD Ao Vivo com 16 faixas. Lançamento da Sony Music. Preços sugeridos: DVD R$ 38,90 e CD R$ 23,90.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade