Publicidade

Correio Braziliense

Cientistas especulam causa da morte de Chopin

Teoria se deve às análises realizadas no coração do compositor, que está mergulhado em um frasco de conhaque há 168 anos


postado em 07/11/2017 14:30 / atualizado em 07/11/2017 14:39

O coração do compositor e pianista está há 168 anos depositado num frasco de conhaque (foto: Internet/Divulgação)
O coração do compositor e pianista está há 168 anos depositado num frasco de conhaque (foto: Internet/Divulgação)
 
Segundo cientistas polacos, a causa da morte do compositor Frédéric Chopin, que ocorreu em Paris em 17 de outubro de 1849, foi tuberculose. 

A nova teoria se deve a uma análise dos especialistas realizada no coração do compositor e pianista, que está há 168 anos depositado num frasco de conhaque. De acordo com a publicação do jornal norte americano The New York Times, que teve acesso ao relatório preliminar da análise, os cientistas tiraram mais de mil fotos do órgão para poder realizar o procedimento. 

A hipótese se justifica, segundo os cientistas, porque o coração está "massivamente dilatado e flácido, coberto com uma substância branca, proveniente de uma pericardite", uma inflamação da membrana que reveste o coração, muito provavelmente provocada por tuberculose. 

Atual teoria da morte de Chopin 

Até o momento, a teoria aceita por todos é a de que o compositor teria morrido devido a uma fibrose quística, uma doença crônica e hereditária que afeta o pâncreas.

A versão final do relatório dos cientistas polacos deverá ser publicada na edição de fevereiro de 2018 do American Journal of Medicine
 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade