Publicidade

Correio Braziliense

Caetano Veloso obtém vitória na Justiça contra quem o chamou de pedófilo

Autor da campanha para promover no Twitter a hashtag que ofendia o cantor e compositor baiano deverá retirar as ofensas do ar, segundo decisão de juíza do Rio de Janeiro


postado em 15/11/2017 10:56 / atualizado em 15/11/2017 11:37

Caetano Veloso e Paula Lavigne no Palácio das Artes, em BH(foto: Juarez Rodrigues/EM/D.A.Press)
Caetano Veloso e Paula Lavigne no Palácio das Artes, em BH (foto: Juarez Rodrigues/EM/D.A.Press)

A produtora Paula Lavigne comemorou em sua conta no Twitter a decisão da Justiça do Rio de Janeiro favorável a ela e Caetano Veloso no processo contra o criador da hashtag #CaetanoPedófilo. O casal processou o usuário da identidade Flavio Morgenstern no Twitter, que promoveu essa hashtag.

De acordo com o colunista Lauro Jardim, do jornal O Globo, a juíza Flavia Alves (14ª Vara Cível do Rio de Janeiro) concedeu "tutela antecipada na ação". A determinação é que as ofensas postadas por Morgenstern, assim como a hashtag, sejam retiradas do ar.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade