Publicidade

Correio Braziliense

Cineasta receberá R$ 100 mil para terminar filme sobre impeachment de Dilma

Maria Augusta Ramos receberá o auxílio pelo Fundo Mundial de Cinema para terminar o filme 'O processo'


postado em 16/11/2017 17:25 / atualizado em 16/11/2017 17:27

A cineasta quer mostrar no novo filme todas as etapas do processo de impeachment de Dilma Rousseff(foto: Carlos Moura/CB/D.A Press)
A cineasta quer mostrar no novo filme todas as etapas do processo de impeachment de Dilma Rousseff (foto: Carlos Moura/CB/D.A Press)

A cineasta brasiliense Maria Augusta Ramos vai receber um auxílio de R$ 100 mil para terminar o filme O processo. A quantia foi oferecida pelo Fundo Mundial de Cinema, uma parceria entre o Festival Internacional de Cinema de Berlim, o governo alemão e o Instituto Goethe. 

 

A nova obra de Maria Augusta Ramos conta como aconteceu todo o processo de impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff para fazer o espectador refletir sobre a crise que passa o Estado e a democracia brasileira. Além disso, dá continuidade a abordagem desenvolvida nas demais obras da diretora, a partir do sistema judiciário brasileiro, na trilogia Justiça (2004), Juízo (2007) e Morro dos prazeres (2013).

 

Para realizar o filme, Maria Augusta e sua equipe passaram meses em Brasília e acompanharam cada etapa do impeachment. No fim, juntaram mais de 450 horas de filmagem em lugares como Câmara dos Deputadoes, Senado, e reuniões privadas de Dilma com o advogado José Eduardo Cardozo. 

 

O processo traz a marca registrada de Maria Augusta, que é mostrar a realidade assim como ela a escuta e a observa, sem interagir. Essas características foram influenciadas pelo professor holândes da diretora Johan van de Keuken. 

 

Antes mesmo de receber o auxílio, Maria Augusta tinha arrecadado R$ 30 mil em uma vaquinha on-line pela plataforma Kickante. Porém, faltava bastante para atingir a meta de R$ 150 mil. 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade