Publicidade

Correio Braziliense

Estão abertas as inscrições para concurso de vídeos sobre afrodescendentes

Projeto, organizado pela IberCultura Viva e a Unesco, visa selecionar curtas-metragens que promovam reflexão sobre afrodescendentes


postado em 21/11/2017 13:30 / atualizado em 21/11/2017 13:33

(foto: Unesco/Divulgação)
(foto: Unesco/Divulgação)
O programa intergovernamental IberCultura Viva de Incentivo a Políticas Culturais de Base Comunitária anunciou a abertura das inscrições para o concurso de curtas-metragens intitulado Comunidades Afrodescendentes: Reconhecimento, Justiça e Desenvolvimento. 

O concurso abrange 11 países ibero-americanos: Argentina, Brasil, Chile, Costa Rica, El Salvador, Equador, Espanha, Guatemala, México, Peru e Uruguai. O objetivo é incentivar a produção de pequenos vídeos promovam uma reflexão sobre as comunidades afrodescendentes e a busca do exercício dos direitos culturais.

A produção dos vídeos podem pertencer a qualquer gênero audiovisual como documentário, ficção e animação, com duração entre um a três minutos. Os curtas têm que ter classificação indicativa livre e ser voltado ao público geral. Vídeos produzidos por afrodescendentes e mulheres receberão maior pontuação. O valor total destinado a premiação do concurso é de US$ 5 mil. Sendo que dez vídeos receberão prêmios de US$ 500. 

 

Sobre o Programa IberCultura Viva

O programa foi lançado em 2014 e busca articular as iniciativas governamentais que vêm se desenvolvendo na Ibero-América com o conceito de política pública, voltada a todas as classes sociais dos 11 países que abrange. Um dos principais objetivos é promover a criação de redes e intercâmbios para a ação conjunta entre governos e sociedade civil, proporcionando o desenvolvimento de uma cultura cooperativa, solidária e transformadora. 
 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade