Publicidade

Correio Braziliense

Jennifer Hudson é escolhida para viver Aretha Franklin em biografia

A escolha foi feita pela própria Aretha Franklin, que terá a vida contada no cinema


postado em 30/01/2018 14:05 / atualizado em 30/01/2018 14:44

(foto: MOLLY RILEY)
(foto: MOLLY RILEY)

 
A cantora e atriz Jennifer Hudson viverá Aretha Franklin em uma biografia. Segundo o site Deadline, o convite para participar do filme veio da própria Aretha. Todos souberam da informação quando Jannifer Hudson subiu ao palco da festa pré-Grammy do produtor musical Clive Davis e cantou Think e Respect, sucessos de Aretha Franklin. 

O filme será produzido pela MGM ao lado de Scott Bernstein e Harvey Mason Jr., que já trabalhou com Aretha e também foi produtor do musical Dreamgirls (2006), que rendeu o Oscar de melhor atriz coadjuvante a Jennifer Hudson. Os produtores ainda estão em busca de diretor e roteirista para o filme, que está sendo planejado há alguns anos. A história deve ser contada a partir do início da carreira de aretha Franklin, em Detroit, até o sucesso.

Aretha Franklin, hoje com 75 anos, é chamada de "Rainha do Soul" e "Dama do Soul" e tem uma obra de grande importância para a música. Foi a primeira mulher a entrar no Rock & Roll Hall of Fame. Apesar de ser lembrada pelo soul, a cantora tem participação em outros estilos, como rock, pop, e blues. Além disso, Aretha tem 18 grammys.

Jennifer Hudson foi escolhida por Aretha Franklin para representá-la no filme(foto: JEWEL SAMAD)
Jennifer Hudson foi escolhida por Aretha Franklin para representá-la no filme (foto: JEWEL SAMAD)

 
Jennifer Hudson começou a carreira como cantora e, em 2007, ganhou o Globo de Ouro e o Oscar pela primeira atuação no cinema, em Dreamgirls. Ao todo, já participou de 16 filmes. A cantora também participou da terceira temporada do American idol e ficou em sétimo lugar. Antes disso, trabalhava como cantora em cruzeiros. No mesmo ano em que ganhou o Oscar, Jennifer Hudson foi a primeira cantora afro-americana a aparecer na capa da revista Vogue, na edição de março.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade