Publicidade

Correio Braziliense

National Geographic homenageia dia da Mulher com filme sobre mergulhadoras

Documentário de Lygia Barbosa conta a história de mulheres que se arriscam no mar para sustentar a família


postado em 01/03/2018 09:07 / atualizado em 01/03/2018 09:07

Documentário busca homenagear a força feminina e a tradição milenar coreana(foto: Luciano Candisani/Reprodução)
Documentário busca homenagear a força feminina e a tradição milenar coreana (foto: Luciano Candisani/Reprodução)

 

No dia internacional da Mulher (8/3), a National Geographic vai homenagear a força feminina com o documentário Haenyeo - A força do mar. A produção acompanha o olhar do fotógrafo brasileiro Luciano Candisani na busca por entender o cotidiano das mulheres da ilha de Jeju, na Coreia do Sul.

 

No longa, é possível entrar na intimidade das haenyeos, mulheres que mergulham apenas com o ar dos pulmões para colher frutos do mar e, assim, conseguir sustentar seus filhos.

 

A cultura das haenyeos é reconhecida como patrimônio imaterial da humanidade pela Unesco, mas, apesar de ser uma tradição, está entrando em declínio com o envelhecimento das mergulhadoras existentes e o não ingresso das jovens mulheres.

 

O documentário une fotografia e cinema em uma poesia visual para tratar de temas como tradição, cultura, longevidade, pertencimento e força feminina.

 

"Certo dia, eu estava com uma haenyeo no mar e as ondas quebravam forte no costão. Sofri para sair da água. Eu me cortei nas pedras vulcânicas e afiadas. Aquela senhora, porém, soube entender as ondas, o vento e as pedras e simplesmente saiu andando com elegância absoluta por uma passagem segura na encosta. Ou seja, a força está na sabedoria, não nos músculos", relata Candisani em nota.

 

O documentário será exibido às 20h15, em 8 de março, no canal National Geographic.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade