Publicidade

Correio Braziliense #DEIXAELATRABALHAR

Repórteres gravam vídeo contra assédios na cobertura esportiva

Campanha #DeixaElaTrabalhar pede o fim do assédio moral e sexual sofrido por mulheres da área


postado em 26/03/2018 11:59

Cris Dias também participa da campanha(foto: Instagram/Reprodução )
Cris Dias também participa da campanha (foto: Instagram/Reprodução )

Diversas jornalistas do âmbito esportivo se uniram contra o assédio moral e sexual sofrido pelas mulheres da área. Neste domingo (25), um vídeo foi lançado nas redes sociais com o manifesto da campanha #DeixaElaTrabalhar, iniciativa de comunicadoras que trabalham com esporte, incluindo apresentadoras, repórteres, produtoras e assessoras de diversos veículos e emissoras. O grupo é composto por nomes como Fernanda Gentil, Cris Dias, Ana Thais Matos, Bárbara Coelho, Gabriela Moreira, Bruna Dealtry, Monique Danello, entre outras. 

Na filmagem, elas desabafam sobre casos de assédio e pedem o fim dessas atitudes para que possam "trabalhar em paz". Nas redes sociais, a publicação foi compartilhada por times pernambucanos como Sport e Santa Cruz, além dos clubes Atlético-MG, Bahia, Botafogo, Chapecoense, Corinthians, Cruzeiro, Flamengo, Fluminense, Fortaleza, Grêmio, Internacional, Palmeiras, Paysandu, Santa Cruz, Santos, São Paulo e Vitória.

"Já aconteceu com todas nós e não dá mais para acontecer. Somos mulheres e profissionais, só queremos trabahar em paz. O esporte também é um lugar nosso. Queremos respeito. Respeitem a nossa voz, as nossas escolhas. Chegou agora de se importar, a omissão também machuca. Não é só machismo, é desrespeitoso, é nojento e ofensivo. É uma violência. Chega!", dizem as mulheres no vídeo.
 
 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade