Publicidade

Correio Braziliense

Vera Verônika se junta a Ellen Oléria em um tributo a mulheres negras

Música 'Soul negra, soul livre!' também tem participação da norte-americana Hope Clayburn


postado em 28/03/2018 11:40 / atualizado em 28/03/2018 11:58

Canção faz uma homenagem à força das mulheres negras(foto: Reprodução/Youtube)
Canção faz uma homenagem à força das mulheres negras (foto: Reprodução/Youtube)

 

A rapper brasileira Vera Verônika lançou o clipe da música Soul Negra, soul livre!. A canção é uma homenagem à mulher negra e conta com participações de Ellen Oléria e da saxofonista norte-americana Hope Clayburn.

 

Com letra que fala da força da mulher negra, Vera Verônika faz reverência àsvárias mulheres negras que passaram pela história, desde a música à política, como a guerreira Dandara, a cantora Nina Simone, a diretora da Anistia Internacional Jurema Werneck e a escritora Cristiane Sobral.

 

"Desde a década de 1950, 1960, 1970, mulheres negras morreram para que pudéssemos ter voz. Hoje continuamos a morrer. É meu compromisso reverenciar e exaltar as mulheres que escreveram essa história para que pudéssemos vivenciar hoje que somos negras e livres", declarou a rapper em nota.

 

Sempre preocupada com a questão da inclusão social, o videoclipe da música também tem tradução simultânea em libras, para que a música seja incorporada em todas as realidades.

 

Confira o clipe de Soul negra, soul livre:

 

A rapper

Vera Verônika, por si, também é um exemplo da força da mulher negra. Primeira rapper mulher da capital e uma das pioneiras do rap no Brasil, Vera comemora este ano 25 anos de carreira no estilo musical que acolheu sua luta. Ela também é pedagoda, empreendedora e consultora nas causas de Direitos Humanos.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade