Publicidade

Correio Braziliense

Elenco de 'Guardiões da Galáxia' se pronuncia após demissão de diretor

James Gunn foi demitido após ter tuítes polêmicos reavivados por usuários da rede social


postado em 27/07/2018 18:40 / atualizado em 27/07/2018 18:46

Elenco de 'Guardiões da Galáxia' saiu em defesa de James Gunn (foto: Marvel/Divulgação )
Elenco de 'Guardiões da Galáxia' saiu em defesa de James Gunn (foto: Marvel/Divulgação )
 
Após serem pegos de surpresa assim como todos os fãs, com a demissão do diretor James Gunn, responsável pela produção de Guardiões da Galáxia Vol. 3, os atores do longa se pronunciaram pela primeira vez sobre o caso. O diretor foi demitido da Marvel, após a descoberta de uma série de tuítes ofensivos em sua conta no Twitter. As publicações foram feitas entre 2008 a 2011 e faziam apologias a pedofilia e ao estupro. 

Na maioria dos posts feitos pelos atores de Guardiões da Galáxia, o que dá a entender é que os protagonistas estão do lado do diretor, reconhecendo que Gunn errou, porém todos estão suscetivos a falhas, como escreveu Dave Bautista, que faz o papel de Drax. 

"Terei mais a dizer, mas por agora tudo que direi será isso: James Gunn é uma das pessoas mais amorosas, cuidadosas e amigáveis que já conheci. Ele é gentil e simpático e se preocupa profundamente com pessoas e animais. Cometeu erros. Todos cometemos. NÃO estou bem com o que está acontecendo com ele", escreveu.


Chris Pratt, ator principal do filme, que faz o papel de Peter Quill/Star-Lord, postou um versículo da Bíblia: "Portanto, meus amados irmãos, todo o homem seja pronto para ouvir, tardio para falar, tardio para se irar." Tiago 1:19 

 

Zoe Saldana, a Gamora, também falou sobre: "Tem sido um fim de semana desafiador, não vou negar. Estou dando uma pausa a mim mesma para absorver tudo isso antes de falar alguma besteira. Só quero que todos saibam que amo TODOS os integrantes da minha família GdG. Sempre amarei."


Michael Rooker, ator que faz Yondu Udonta, foi mais enérgico em sua posição e, antes de deletar a conta, publicou o seguinte em 22 de julho: "Essa conta ficará inativa após hoje. Estamos muito cansados e aborrecidos com essa MERDA contínua… nem eu ou meus assessores irão usar mais o Twitter. O Twitter é uma droga e não quero ter mais ligação com ele. Obrigado a todos que mandaram apoio e palavras boas. Vejo vocês no Instagram." – MR 

Uma petição on-line, que já superou mais de 150 mil assinaturas, foi criada para que o Gunn seja recontratado e assuma o terceiro filme dos Guardiões da Galáxia.  

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade