Publicidade

Correio Braziliense

Dado e Bonfá deverão dividir lucros de turnê com filho de Renato Russo

A cobrança se refere ao período entre 2015 e 2017, quando os ex-integrantes da Legião Urbana fizeram uma série de shows por todo o país


postado em 07/08/2018 11:44 / atualizado em 07/08/2018 13:42

Ex- integrantes da Legião Urbana travam briga judicial com Giuliano Manfredini, filho de Renato Russo (foto: Reprodução Facebook)
Ex- integrantes da Legião Urbana travam briga judicial com Giuliano Manfredini, filho de Renato Russo (foto: Reprodução Facebook)


No dia 24 de julho, o Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro (TJRJ) decidiu que o guitarrista Dado Villa Lobos e o baterista Marcelo Bonfá paguem à produtora Legião Urbana Produções Artísticas, controlada pelo filho de Renato Russo, Giuliano Manfredini, um terço do valor do valor recebido da turnê comemorativa de 30 anos do lançamento do primeiro álbum da banda. 

A cobrança se refere ao período entre 2015 e 2017, quando a dupla realizou mais de cem apresentações por todo o país. Bonfá e Dado voltam à estrada a partir de setembro para tocar canções dos álbuns Dois e Que País É Este. A arrecadação desses shows, por enquanto, não entram na decisão judicial. 

A produtora, criada em 1987, foi criada para proteger os dos direitos autorais da banda, que na época a legislação exigia que apenas uma pessoa fosse proprietária da empresa. Ficou decidido então, que Renato Russo seria o sócio majoritário, mas desde sua a morte, em 1996, a produtora passou a ser controlada por sua família.

Procurados, os ex-integrantes da banda e Giuliano não se manifestaram sobre o assunto até a publicação deste texto.
 
Clique aqui para conferir a decisão.  

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade