Publicidade

Correio Braziliense

Suposto traficante de Demi Lovato é conhecido pela polícia de Los Angeles

Segundo TMZ, ele teria afirmado aos amigos que os dois chegaram a ter um relacionamento amoroso


postado em 16/08/2018 15:50 / atualizado em 16/08/2018 15:58

A cantora se recupera de overdose em clínica de reabilitação(foto: Christian Petersen/Getty Images/AFP)
A cantora se recupera de overdose em clínica de reabilitação (foto: Christian Petersen/Getty Images/AFP)

 

Depois de uma possível confirmação sobre as substâncias que teriam causado a overdose de Demi Lovato, em 24 de julho, o TMZ divulgou novas informações sobre o traficante que teria fornecido a combinação de medicamentos para a cantora. 

O portal afirma que ele entregou os remédios oxidona e fentanil na casa da pop star, mas fugiu ao perceber que ela respirava de forma pesada na cama. O homem citado pelo TMZ é conhecido da polícia de Los Angeles e já foi detido em diversas situações.

 

Brandon Johnson foi abordado no mês de março, em North Hollywood, com US$ 10 mil no bolso, uma arma semi-automática e drogas. A polícia apreendeu mais drogas e armar na casa dele. Ele foi novamente detido em junho por direção sob efeito de entorpecentes e posse de cocaína.

 

Ele e Demi teriam se conhecido em abril. Para os amigos, ele afirmou já ter se relacionado amorosamente com ela. A cantora saiu do hospital e agora está numa clínica de realibitação. A agenda de shows foi cancelada e a família de Demi afirma que a plena recuperação dela é prioridade no momento.

 

 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade