Publicidade

Correio Braziliense

Banda Earlier faz estreia de single 'Dança' inspirado em Daft Punk

Para o clipe, o grupo buscou referências retrô


postado em 29/08/2018 18:30 / atualizado em 29/08/2018 18:35

Os membros são do Rio, São Paulo e Brasília(foto: Vinicius Oliveira/Divulgação)
Os membros são do Rio, São Paulo e Brasília (foto: Vinicius Oliveira/Divulgação)

Banda Earlier lança o primeiro single Dança, que também ganhou versão em videoclipe. No trabalho, o grupo de R&B e indie rock versa sobre relacionamentos contemporâneos. As filmagens feitas em sítio em São Paulo mostram o quarteto tocando descontraidamente. 

A gravação do clipe em estilo retrô remete às granuladas filmagens em fita dos anos 1990, com ruídos e símbolos característicos. “(Como) as que nossos pais usavam para filmar os aniversários”, explicam por meio de nota. A sonoridade é inspirada em músicas dançantes das décadas de 1970 e 1980, e na contemporânea dupla francesa Daft Punk.

A mistura de referências também é geográfica, já que cada membro mora em um estado diferente. Dividem-se entre Rio de Janeiro, São Paulo e Brasília. A banda Earlier é formada por Clayton Pereira (guitarra e sintetizadores), Danilo Abreu (bateria), Willian Bortoleto (baixo) e Lucas Macedo (guitarra e voz).

Sobre a composição, o vocalista e guitarrista Lucas Macedo explica por nota: “Vivemos numa geração que não sabe muito conviver com os conflitos dentro de um relacionamento. A parte da música ‘Me tira do sono, me tira do sério, me faz duvidar’, veio após ver um psicanalista falando do conflito em si e como ele é necessário para um relacionamento. Porque ele te faz dizer a verdade e também ajuda a chegar num consenso. Basicamente essa música é uma tentativa de dizer que se você tiver paciência, amor e carinho com as pessoas pode ter certeza, que mesmo com brigas, vão ter muitos outros momentos para dançar”

O baterista da banda da Danilo Abreu acrescenta que a gravação foi feita em estúdio O no meio de floresta na beira de uma serra. “A vibe é incrível e cheio de particularidades. Desde uma House Mix (que fica dentro de um caminhão), até os instrumentos que ficam em uma sala que não precisa de abafamento acústico. Já que eles não têm vizinhos”.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade