Publicidade

Correio Braziliense

Quem manda no perfil da Turma da Mônica no Twitter é o filho da... Mônica!

'The zoeila never ends'


postado em 03/09/2018 09:25

(foto: IMAGENS MAURICIO DE SOUSA PRODUÇÕES/REPRODUÇÃO/TWITTER/ INSTAGRAM)
(foto: IMAGENS MAURICIO DE SOUSA PRODUÇÕES/REPRODUÇÃO/TWITTER/ INSTAGRAM)
 
A primeira publicação da Turma da Mônica data de 1959, em formato de tirinhas de jornal. De lá para cá, os personagens de Mauricio de Sousa foram para os gibis, almanaques, animações na TV e no cinema, peça de teatro e parque de diversões. Quase 60 anos depois, chegaram chegando ao Twitter, cheios de graça. O dono da rua, ou melhor, a cabeça por trás das piadas é Marcos Saraiva, gerente da área digital da Mauricio de Sousa Produções (MSP), neto de Mauricio de Sousa e filho da Mônica. Ele chefia uma equipe de oito pessoas, que também alimenta as contas oficiais da empresa no Facebook, no Instagram e no YouTube. Segundo ele, as piadas são definidas em conjunto, durante reuniões semanais.
 
 

A franquia estreou oficialmente na rede social dominada por adolescentes e jovens adultos, onde impera a linguagem do meme (a repetição viral de imagens ou expressões na internet com humor ou ironia), no mês passado. Regida pela máxima “the zoeila never ends” (a zoeira nunca tem fim, em uma tradução literal feita pelo Cebolinha), a conta dos personagens de Mauricio de Sousa conquistou mais de 139 mil seguidores desde o dia 21 de agosto.
 
 
 
Boa parte do sucesso se deve ao bom humor das publicações, disparando piadas, memes e desfazendo mitos sobre a Turma. Por exemplo: “Astronauta e Franjinha não são a mesma pessoa”. “O Cebolinha não se chama Ceborinha (vou nem comentar esse)”. “E Mauricio de Sousa existe de verdade (toma cafezinho na firma e tudo)”. Chama a atenção como algumas postagens retiradas de quadrinhos publicados há anos ou décadas se encaixam perfeitamente no tipo de conteúdo que os usuários do Twitter gostam de compartilhar atualmente.
 
 
 
Além disso, a conta também tem interagido com os seguidores – e não leva desaforo para casa ao ser criticada. Quando um usuário falou que o perfil da Turma “parecia um tiozão de skate, tentando ser popular entre os jovens”, os administradores não hesitaram em responder com uma imagem de Cebolinha e Cascão vestidos de skatistas, com a frase “só os loucos sabem”, em referência à banda Charlie Brown Jr.
 
 
 
Ao Estado de Minas Saraiva explicou que a investida no mundo digital não é de agora. “A gente criou perfis nas redes sociais nos anos 2000. Mas não havia uma equipe para produzir conteúdos dedicados para cada uma. O que era criado para o Facebook era replicado no Twitter. Em 2012, vimos que não era o perfil de conteúdo do Twitter e aí cancelamos a conta e só a reativamos agora”, afirma. Segundo ele, Mauricio de Sousa, de 82 anos, que é usuário ativo do Twitter há um bom tempo, aprova todos os conteúdos antes de serem publicados.
 
 
 

Multiplataforma

 
“O DNA do Mauricio é trabalhar multiplataforma. Foi do jornal para revista, entrou no cinema, depois foi para a TV. Tivemos nosso site, entramos para os aplicativos, temos animação e, agora, estamos trabalhando muito no digital, que é o ponto forte para se acessar as crianças hoje em dia. Tentamos sempre ter um conteúdo elegante, e o Twitter é mais um desdobramento dessa proposta”, diz o gerente de conteúdo digital.

Ainda em conversa com o EM, Marcos Saraiva diz que o grupo se orienta “por dois pilares – um é o quadrinho e o ao vivo, com gibis, peças de teatro, espetáculos, shows. Outro é e o departamento digital para entrar mais forte nos jogos, aplicativos, conteúdo de redes sociais e desenho animado. Então, temos algumas novidades, como a Turma da Mônica Jovem; nosso canal no YouTube tem quase 9 milhões de seguidores e produzimos séries animadas para a plataforma”.

Em 2019, Mônica e companhia chegarão também ao cinema, com suas versões “encarnadas” por atores. Inspirado no romance gráfico Laços, de autoria dos irmãos Victor e Luciana Cafaggi, naturais de Belo Horizonte, o filme tem direção de Daniel Rezende (Bingo – O rei das manhãs). O elenco é composto por Giulia Barreto (Mônica), Kevin Vechiatto (Cebolinha), Gabriel Moreira (Cascão), Laura Rauseo (Magali) e Mônica Iozzi (Dona Luísa, a mãe da Mônica). A data de estreia ainda não foi definida.

Nos quadrinhos também há novidades. Na Bienal do Livro de São Paulo, realizada no mês passado, foi lançado MMMMM: Mônica e o Menino Maluquinho na Montanha Mágica, um crossover entre as criações de Ziraldo e Mauricio de Sousa. A prática é muito comum no mercado internacional, quando grandes marcas juntam suas histórias. No romance gráfico de 80 páginas, lançado pela editora Melhoramentos, Mônica ganha um bilhete premiado para visitar a tal montanha e leva seus amigos. O mesmo ocorre com o Maluquinho, e uma aventura surge a partir do encontro. A história é de Manuel Filho e as ilustrações, dos mestres Mauricio de Sousa e Ziraldo. (Com Agência Estado)

Veja onde encontrar a turma


Twitter: www.twitter.com/TurmadaMonica 
ou @TurmadaMonica
Facebook: www.facebook.com/turmadamonica/
YouTube: www.youtube.com/turmadamonicaTV
Instagram: www.instagram.com/turmadamonica 
ou @turmadamonica
Site: www.turmadamonica.com.br

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade