Publicidade

Correio Braziliense

Caetano Veloso e outros famosos lamentam a morte de Mr. Catra

Cantor baiano homenageou o amigo em seu perfil no Facebook


postado em 10/09/2018 10:39 / atualizado em 10/09/2018 10:40

Caetano Veloso e Mr. Catra dividiram o palco em 2016, no programa 'Bagulho louco', comandado pelo funkeiro no canal Multishow (foto: Multishow/Reprodução)
Caetano Veloso e Mr. Catra dividiram o palco em 2016, no programa 'Bagulho louco', comandado pelo funkeiro no canal Multishow (foto: Multishow/Reprodução)
 
 
Caetano Veloso se manifestou sobre a morte de Mr. Catra, morto na tarde deste domingo, vítima de um câncer gástrico. 
 
Em texto publicado em seu perfil no Facebook, junto ao vídeo em que ele o funkeiro performam em dueto a célebre Vaca profana, o veterano da MPB relembrou a ocasião em que conheceu o cantor carioca, de quem era amigo, bem como sua relevância no cenário cultural brasileiro: "É um caso existencial que o Brasil deveria amadurecer para estudar. O povo e tantos de nós amadurecemos para amar", disse o irmão de Bethânia.

Segundo o compositor baiano, Catra entrou em seu radar durante uma exibição do filme Orfeu (Cácá Diegues, 1999) em Vigário Geral, comunidade da Zona Norte do Rio de Janeiro, onde o funkeiro vivia e, àquela altura, já reunia muitos fãs. "Quando eu fui anunciado (no palco), um número simpático de moradores se aproximou e pude ver algumas caras atentas entre os que me ouviam. Mas a multidão se multiplicou e delirava ao grito do nome de Mr. Catra. Muita gente vinha dos barracos, gente que nem tinha se abalado para vir ver o filme", descreve Veloso. "Ele representava coisas essenciais do ethos das periferias urbanas brasileiras. E era um cara alto astral, que sabia gostar de viver", finalizou. 

Confira a homenagem de Caetano Veloso a Mr. Catra na íntegra

 

 

Outros famosos também lamentaram a morte do funkeiro:

 

"O funk tem um rei... E hoje ele se despede da gente. Tive a honra de conhecer e desfrutar inúmeros momentos ao lado da simplicidade, humildade, inteligência, irreverência e carisma desse amigo", escreveu a cantora Anitta.

Outros nomes da música, como Lulu Santos, MC Gui e Ludmilla também prestaram suas homenagens. "O funk não vai ser mais o mesmo", disse Ludmilla. Catra também foi lembrado por entrevistadores com quem teve contato, como Fábio Porchat e Fernanda Souza, que contou que o artista estava entre seus próximos convidados.

"Um pouquinho antes da sua gravação você foi internado... Estamos todos muito tristes pois estávamos muito ansiosos em conhecer você.", afirmou.

Tatá Werneck também lamentou o fato: "Lady Night com Catra foi um dos programas que eu mais gostei. Ele é um homem surpreendente, extremamente inteligente, doce, sensível, amoroso. Eu não sabia que ele estava doente. ... Estou triste mesmo". O funkeiro deixou três mulheres, 32 filhos e quatro netos.  

 

 

 

 

 

 

 

 

Visualizar esta foto no Instagram.

Papai no Céu %uD83D%uDC9C @mrcatrareal #RockInRio2016

Uma publicação compartilhada por CantaLulu (@lulusantosoficial) em

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade