Publicidade

Correio Braziliense

Paul McCartney lança 'Egypt Station', 17º da carreira solo

Disco tem faixa em homenagem ao Brasil


postado em 12/09/2018 06:10

O novo disco do ex-beatle apresenta canções que vão do rock sonoridades brasileiras(foto: Gustavo Caballero/Getty Images/AFP)
O novo disco do ex-beatle apresenta canções que vão do rock sonoridades brasileiras (foto: Gustavo Caballero/Getty Images/AFP)

Mesmo que, há dois anos, Paul McCartney tenha dito à revista Rolling Stone que para ele seria “inimaginável e impróprio” continuar se apresentando quando tivesse 80 anos, o ex-Beatle se mostra completamente ativo, aos 76 anos, ao apresentar o novo disco, Egypt Station. Durante o verão britânico, McCartney apresentou diversos shows surpresas para divulgar o 17° projeto solo, lançado em 7 de setembro.

Entre as músicas do novo trabalho, há uma especial que McCartney fez para os brasileiros: a alegre Back in Brazil. A canção é uma homenagem ao país e aos milhares de fãs. A faixa também recebeu um clipe com trechos gravados durante a última passagem de McCartney pelo Brasil, em outubro de 2017, quando se apresentou em Porto Alegre, São Paulo, Belo Horizonte e Salvador. O cantor lançou o clipe no Dia da Independência em conta oficial do Facebook, e desejou aos fãs um ótimo feriado.

Egypt Station foi gravado em Los Angeles, Londres e Sussex, com produção de Greg Kurstin, responsável pela cantora Adele e pelas bandas Beck e Foo Fighters. “Há algumas canções de rock e outras que são mais acústicas, e há uma influenciada pelo estilo brasileiro. Ele (Paul McCartney) queria evitar qualquer coisa comum. Ele queria experimentar”, disse Kurstin durante uma entrevista para a revista Rolling Stone.

(foto: Capital Records/Divulgação)
(foto: Capital Records/Divulgação)
O disco chega cinco anos após o disco anterior do ex-beatle, New (lançado em 2013), e está disponível nas plataformas digitais. A capa do novo projeto traz uma das pinturas de McCartney, batizada com o mesmo nome do álbum. “Gostei das palavras ‘Egypt Station’. Elas me lembram dos discos em vinis que costumávamos fazer. O álbum começa na primeira música em uma estação e a cada faixa visitamos uma nova. Foi essa a ideia que seguimos para criar cada música do álbum. Acho que ela veio de um sonho, mesmo lugar de onde as músicas surgem”, disse McCartney em um comunicado à imprensa publicado pelo site NPR.

Egypt Station 
Novo álbum de estúdio de Paul McCartney. Capitol Records, 16 faixas. Preço sob consulta. Disponível em todas as plataformas digitais.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade