Publicidade

Correio Braziliense

Steven Seagal abandona estúdio ao vivo ao ser questionado sobre assédio

Seagal deixou Kirsty Wark, âncora do Newsnight, sem resposta quando ela fez referência às acusações de assédio contra o ator; assista ao momento


postado em 05/10/2018 20:09 / atualizado em 05/10/2018 20:09

"Você recebeu acusação de estupro contra você e eu me pergunto como você lida com tudo isso?", perguntou a entrevistadora (foto: Reprodução/Internet)

Depois de ser questionado sobre alegações de assédio, Steven Seagal abandonou entrevista à BBC na última quinta-feira (4/10). A âncora do programa Newsnight Kirsty Wark foi deixada sozinha pelo ator em transmissão ao vivo depois de citar as denúncias de assédio que incluem das atrizes Jenny McCarthy, Julianna Margulies e Portia de Rossi em novembro do ano passado. 

"Você foi muito afetado por todas as alegações de assédio sexual”, começou a dizer a repórter, que completou: "Você recebeu acusação de estupro e eu me pergunto como você lida com tudo isso?.” Sem responder, o ator de 66 anos tirou o fone de ouvido e começou a sair do estúdio. 

Na ocasião das denúncias, Seagal negou todas. Em parecer, promotores do Ministério Público do Distrito de Los Angeles afirmaram que o crime que teria ocorrido em 1993 não é cabível de processos.
 
 

Acusações


Uma das primeiras a se manifestar contra Segal foi a humorista Jenny McCarthy no programa SiriusXM. Segundo ela, o ator a teria feito sentar ao lado dele nua em teste de elenco do filme A força em alerta 2, em 1995. 

Margulies, famosa por The good wife, contou de encontro com o ator em hotel para uma reunião quando tinha 23 anos. "Eu cheguei ao hotel por volta das 10h40 e ele não estava lá. E ele estava sozinho e se assegurou de que eu visse sua arma, e eu nunca tinha visto uma arma na vida real. Eu saí de lá ilesa… Eu nunca fui estuprada e nunca fui ferida. Eu não sei como saí daquele quarto de hotel".

Na conta pessoal do Twitter, a esposa de Ellen Degeneres e estrela de Arrested Development, Portia de Rossi, relatou: "Ele me disse como era importante ter química fora da tela quando ele me sentou e abriu suas calças de couro. Eu corri para fora e liguei para a minha agente. Imperturbável, ela respondeu: 'bem, eu não sabia se ele era o seu tipo'"

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade