Publicidade

Correio Braziliense

Viola Davis dá vida à protagonista de 'As Viúvas'

As Viúvas, segue um outro caminho - nele, personagens comuns têm suas vidas unidas por conta da violência e da corrupção nas ruas de Chicago


postado em 01/12/2018 16:28 / atualizado em 01/12/2018 16:27

(foto: AFP / Angela Weiss)
(foto: AFP / Angela Weiss)
Temas angustiantes e polêmicos marcam a breve filmografia de Steve McQueen, diretor de 'Hunger', 'Shame' e também de '12 Anos de Escravidão' - que ganhou o Oscar 2014 em três categorias, incluindo a de melhor filme. Mas o seu quarto longa-metragem, As Viúvas, segue um outro caminho - nele, personagens comuns têm suas vidas unidas por conta da violência e da corrupção nas ruas de Chicago.

Após perderem seus maridos em um assalto malsucedido, três mulheres se veem desamparadas e envolvidas nas trapaças de seus companheiros. Entre elas, Veronica Rawlins, interpretada por Viola Davis, recebe ameaça de um criminoso que exige o pagamento de uma dívida de dois milhões de dólares, roubados pelo marido Harry (Liam Neeson). O criminoso é Jamal Manning (Brian Tyree Henry), candidato a vereador corrupto e oponente de Jack Mulligan (Colin Farrell), político que luta para manter o assento de vereador de sua família há 60 anos.

Na trama, a corrupção toma várias formas enquanto Veronica cria um plano para roubar cinco milhões e pede ajuda das outras duas viúvas. Cada uma delas está abalada por seus próprios dilemas - que acrescentam carga dramática ao que poderia ser apenas mais um filme de suspense com tiros e explosões.

Diante dos riscos, as mulheres descobrem mais sobre si mesmas e indicam que, mesmo em uma história aparentemente comum, personagens criados por Steve McQueen são sempre complexos.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade