Publicidade

Correio Braziliense

Especializado em musicais, cantor Saulo Vasconcelos lança autobiografia

Nascido em Brasília, o artista já atuou em produções como 'Fantasma da ópera' e 'Mamma mia'


postado em 13/12/2018 06:30 / atualizado em 13/12/2018 07:43

Saulo Vasconcelos lança autobiografia 'Por trás das máscaras'(foto: Joao Caldas)
Saulo Vasconcelos lança autobiografia 'Por trás das máscaras' (foto: Joao Caldas)

 

Quando se fala de teatro musical brasileiro não se pode deixar de mencionar o nome do ator e cantor Saulo Vasconcelos. Dono de um currículo extenso, o brasiliense radicado em São Paulo foi protagonista em diversas superproduções inesquecíveis e  históricas, como Les misérables, A Bela e a Fera, O Fantasma da Ópera, A noviça rebelde e Mamma mia. Relembrando toda a trajetória, que se confunde com o início do gênero no Brasil, Saulo lança hoje, a partir das 19h, na Livraria Cultura do Shopping Iguatemi, a autobiografia Por trás das máscaras.

A ideia de criar o livro, editado pela Chiado Books, surgiu quando Saulo Vasconcelos decidiu buscar novas experiências de trabalho no Canadá. Como também é professor de teatro musical, o ator e músico entrou em contato com uma escola, que teve interesse em contratá-lo. Para obter o visto de trabalho, o governo canadense solicitou que ele fizesse um dossiê sobre sua a vida. A partir dessa obrigação para trabalhar no Canadá, surgiu o desejo de criar uma autobiografia. “Eu escrevi um dossiê de mais de 150 páginas falando de mim, tudo muito detalhado e em inglês.  Aquilo foi me dando uma vontade de escrever algo em português e de lançar um livro. Foi assim que surgiu a história”, explica Saulo

Por trás das máscaras, além de relembrar a história do ator, também é uma forma de inspirar artistas. “Já no capítulo de abertura eu falo das dificuldades e que a vida já trata de puxar o artista para direções opostas. É um grande incentivo, não é um livro de autoajuda, mas é um grande motivador, principalmente para os artistas, que são muito desprestigiados em nosso país, a não desistir dos seus sonhos”, conta Saulo. 

A relação do astro com a música começou em 1992, quando entrou para o Coro Sinfônico Comunitário de Brasília, no qual chegou a se apresentar com grupo no Carnegie Hall, em Nova York. Saulo também integrou o Coral da Universidade de Brasília (UnB) e do Coro Masculino de Brasília, com os quais ganhou inúmeros prêmios em concursos na Itália e Espanha. Mas foi em uma viagem para Londres, em 1997, que o artista teve certeza de qual profissão seguiria. Durante a estada de apenas quatro dias na capital inglesa, assistiu  sete musicais, o suficiente para fomentar uma nova paixão na vida do brasiliense.

Ao voltar para Brasília, o preparador vocal Marconi Araújo e o ator Sandro Christopher foram fundamentais na construção de sua trajetória. O sonho de se tornar um grande ator se tornou realidade cedo, dois anos após a viagem à Inglaterra ,Saulo foi convidado para interpretar o papel principal do espetáculo O fantasma da ópera. Aos 25 anos, tornou-se o mais jovem Fantasma. Outra marca  conquistada ocorreu quando se tornou protagonista da montagem brasileira, em 2005. Saulo foi o segundo ator no mundo a interpretar o Fantasma em duas línguas, o primeiro foi Italo Freeman, que atuou nos EUA e na Alemanha.

O cantor de 45 anos ainda brilhou em sucessos como Cats, Priscilla, rainha do deserto, Forever young e A madrinha embriagada. 

Estagiário sob a supervisão de Severino Francisco 




Por trás das máscaras
Autobiografia de Saulo Vasconcelos. Lançamento, hoje, a partir das 19h, na Livraria Cultura do Shopping Iguatemi.

 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade