Publicidade

Correio Braziliense

Novo gerente de cultura de Ceilândia será eleito em 29 de janeiro

Pessoas vinculadas à produção artística na cidade têm direito a votar para a formação de uma lista tríplice


postado em 25/01/2019 09:59 / atualizado em 25/01/2019 09:59

Cidade está sem gerente de cultura desde o início da nova gestão no GDF(foto: Bruno Peres/Esp. CB/D.A Press)
Cidade está sem gerente de cultura desde o início da nova gestão no GDF (foto: Bruno Peres/Esp. CB/D.A Press)
 
 
O Conselho Cultural de Ceilândia irá eleger lista tríplice para pleitear o cargo de novo gerente de cultura em 29 de janeiro, às 19h, no Centro Cultural de Ceilândia. O poder de voto é concedidos a agentes culturais e artistas que moram na região mediante comprovação dos requisitos.

Desde o início da nova gestão do GDF, que exonerou gerentes de cultura, Ceilândia está sem algúem no cargo, antes preenchido por Francisco Rosa. Entre outras atribuições, quem ocupar o cargo será responsável por fazer articulações políticas, gerir políticas públicas, projetos culturais, eventos, além de discutir e implementar demandas relacionadas a cultura na cidade.

Os eleitores são pessoas que comprovaram atuação cultural por pelo menos dois anos via apresentação de portfólio. Comprovante de residência, em que conste endereço em Ceilândia, e Cadastro de Entes e Agentes Culturais (CEAC), também foram exigidos para adquirir direito ao voto. 

A lista tríplice será definida a partir de cinco nomes. Os candidatos aptos foram definidos depois chamamento público que durou uma semana e contou com sete inscrições — das quais duas foram negadas.
 
Definidos os três nomes para o cargo, o administrador de Ceilândia deverá indicar um novo gerente de cultura a partir de 2 de fevereiro.
 
“Esse processo é muito importante, é um empoderamento para o conselho de cultura poder escolher esse gerente de cultura”, diz a conselheira de cultura Nanci Araújo. Ela explica que eleição segue regulamentação da Lei Orgânica de Cultura (LOC).

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade