Publicidade

Correio Braziliense

Charlize Theron fala abertamente sobre identidade de gênero das filhas

A atriz adotou Jackson, 7 anos, e August, 3. A criança mais velha, no entanto, apesar de ter nascido com o sexo masculino, se identifica como menina. "Tenho duas filhas lindas", diz Charlize


postado em 23/04/2019 10:34 / atualizado em 23/04/2019 12:30

(foto: AFP / SUZANNE CORDEIRO)
(foto: AFP / SUZANNE CORDEIRO)
Charlize Theron é mãe adotiva de Jackson Theron, de 7 anos, e desde cedo dá liberdade para que vista a roupa que quiser. A criança já foi flagrada com vestidos e outras roupas relacionadas ao universo das meninas, mas isso nunca a incomodou.

"Eu achava que a Jackson era um menino. Até que ela olhou para mim, quando tinha três anos, e disse: 'Eu não sou um menino'", disse a atriz na última quinta-feira, 18, ao jornal britânico Daily Mail. "Eu tenho duas filhas lindas", completou, lembrando da pequena August, de 3 anos, também adotada.


Segundo ela, seu papel enquanto mãe é amar os filhos e respeitar o que eles querem ser. "Farei tudo que estiver ao meu alcance para eles terem seus direitos protegidos", afirmou.

Charlize revela que essa decisão parte do fato de sua mãe sempre ter ensinado a ela a importância de viver longe das mentiras e "falar o que tem que ser falado".

Apesar de Charlize não falar de nenhum diagnóstico que explique esse comportamento de Jackson, o psiquiatra e especialista em identidade de gênero e orientação sexual da Universidade de São Paulo (USP), Alexandre Saadeh, disse que ser transexual é uma questão biológica e depende dos hormônios que atuam durante a gestação. Assim, os pais não precisam se sentir "culpados" pela personalidade dos filhos.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade