Publicidade

Correio Braziliense

Fágner abre a programação do Encontro Internacional de Choro

Acompanhado pelo músico intrumentista Manesses de Souza, o cantor cearense falou do início dele em Brasília, quando venceu o primeiro festival do Ceub


postado em 23/04/2019 23:41

Raimundo Fagner abriu a programação do Encontro Internacional de Choro em uma apresentação com mais de duas horas de duração, em que passou em revista os maiores sucessos da carreira: Mucuripe, Revelação, Quem me levará sou eu e Deslizes. Acompanhado pelo músico intrumentista Manessés de Souza, o cantor cearense falou do início dele em Brasília, quando venceu o primeiro festival do Ceub.

Na plateia, em mesa próxima ao palco, o ministro Luís Roberto Barroso, do Supremo Tribunal Federal (STF), deixou clara a admiração por Fágner ao fazer coro com a plateia em diversas canções. Ao Correio, afirmou que Deslizes é a preferida dele. Outra presença ilustre era a do ex-presidente do STF Ayres Britto. 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade