Publicidade

Correio Braziliense

Pianista Arthur Moreira Lima se apresenta em curta temporada em Brasília

Repertório do artista terá de Bach a Pixinguinha


postado em 25/04/2019 10:12 / atualizado em 25/04/2019 15:45

Arthur Moreira Lima, que realizou o primeiro recital aos seis anos, está comemorando 80 anos de vida e mais de 70 de carreira(foto: Esquina Produções/Divulgação)
Arthur Moreira Lima, que realizou o primeiro recital aos seis anos, está comemorando 80 anos de vida e mais de 70 de carreira (foto: Esquina Produções/Divulgação)
 
 
O pianista Arthur Moreira Lima estará em Brasília entre 2 e 5 de maio (de quinta a domingo), apresentando o recital De Bach a Pixinguinha, no Teatro Royal Tulip, sempre às 20h.
 
Nas palavras do pianista em material de divulgação, o repertorio incluirá "música clássica que já é popular e música popular que já se tornou clássica", passando por obras de Bach, Beethoven, Brahms, Chopin, Liszt, Mozart, Rachmaninoff, Tchaikovsky, Astor Piazzolla, Brasílio Itiberê, Ernesto Nazareth, Francisco Mignone, Luiz Gonzaga, Radamés Gnattali, Villa-Lobos e Pixinguinha.

Arthur Moreira Lima é um dos maiores músicos eruditos do Brasil, com reputação internacional. No Brasil, é reverenciado pelas parceiras com grandes compositores e por levar a música clássica a lugares que não tem acesso a esse tipo de apresentação, como o Morro da Mangueira e a Favela da Rocinha. 
 

Em 2003, passou a excursionar pelo país com o projeto Um piano na estrada, no qual se apresentou mais de 500 vezes em centenas de cidades brasileiras a borde de um caminhão-palco, levando a música erudita a lugares afastados. Ele, que realizou o primeiro recital aos 6 anos, está completando 80 anos de vida e mais de 70 de carreira. 
 
 
Serviço 
Arthur Moreira Lima — de Bach a Pixinguinha
Teatro Royal Tulip (SHTN Tc. 1 cj. 1B, Lago Norte). De 2 a 5 de maio, de quinta a domingo, às 20h. Ingressos: R$ 240 (inteira), R$ 120 (meia) e R$ 130 (ingresso solidário, mediante doação de 1kg de alimento não perecível).

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade