Publicidade

Correio Braziliense

Morre Gloria Vanderbilt, aos 98 anos, em Nova York

A rainha do jeans começou a vida como herdeira e se tornou um dos maiores ícones da moda nos Estados Unidos


postado em 17/06/2019 18:41 / atualizado em 17/06/2019 18:45

Gloria Vanderbilt viveu altos e baixos durante os 95 anos de vida(foto: HBO/Divulgação)
Gloria Vanderbilt viveu altos e baixos durante os 95 anos de vida (foto: HBO/Divulgação)


A socialite Gloria Vanderbilt morreu, na manhã desta segunda-feira (17/6), em Nova York. Segundo o filho, Anderson Cooper — um dos principais âncoras da CNN — ela descobriu um câncer no estômago neste mês. Ela morreu em casa, cercada de amigos e familiares.
 
Chamada de "pobre menina rica" pelos tabloides, a norte-americana já nasceu herdeira de US$ 79 milhões, em 1924. Aos dois anos, com a morte do pai, a mãe e uma tia paterna passaram a disputar a guarda judicial dela.

Gloria se tornou ícone de moda nas décadas de 1970 e de 1980 ao fundar uma grife de jeans que levava o nome dela bordado no bolso de trás e passou a ser a "rainha dos jeans". Além de estilista e empresária, a estrela também estudou teatro, lançou livros, foi pintora, poetisa e se tornou destaque como modelo. Como atriz, fez o seriado The love boat nos anos 1980.

Gloria era presença constante na mídia norte-americana. Foi casada quatro vezes e teve quatro filhos. Com o caçula Anderson, participou do documentário Nothing left unsaid: Gloria Vanderbilt & Anderson Cooper, da HBO, e teve a obra de memórias The rainbow comes and goes: A mother and son on life e Love and loss.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade