Publicidade

Correio Braziliense

Neto de Dona Ivone Lara homenageia avó com EP

André Lara interpreta clássicos e apresenta duas canções inéditas da artista


postado em 25/06/2019 11:44 / atualizado em 25/06/2019 11:44

Dona Ivone Lara morreu aos 97 anos, devido a uma insuficiência cardiorrespiratória(foto: Rafael Ohana/CB/D.A Press)
Dona Ivone Lara morreu aos 97 anos, devido a uma insuficiência cardiorrespiratória (foto: Rafael Ohana/CB/D.A Press)

Em abril de 2018, o Brasil dava adeus à primeira-dama do samba, Dona Ivone Lara. Um ano depois, o baú começa a ser revirado pelo neto da artista, André Lara. O neto homenageia a avó com o EP Doces recordações, disponível nas plataformas digitais.

Com seis faixas, o músico interpreta grandes clássicos que marcaram a trajetória da sambista, como Alguém me avisou, Sorriso de criança, Resignação e a faixa homônima EP, Doces recordações. Além destas, André apresenta duas faixas inéditas, que Dona Ivone Lara nunca gravou, Dia do samba no Bonfim e Sombras na parede.


Ao portal de notícias UOL, André contou que Sombras na parede foi feita há oitos anos atrás. "(Foi feita) na época em que ela tinha retomado a parceria com o Délcio (Carvalho). Tive uma ideia de melodia, minha avó a terminou e o Délcio colocou a letra", lembrou o músico. Já Dia de samba no Bonfim, foi uma parceria entre Dona Ivone e o cavaquinista Bruno Castro, parte de um álbum que acabou não sendo lançado.

André, junto com o irmão Jorge e a mãe Eliana, mergulharam no acervo que a rainha do samba deixou e, mesmo em fase inicial de pesquisa, já encontraram 20 canções inéditas, que posteriormente serão gravadas. "Mesmo no fim da vida, com mal de Alzheimer, ela ainda tinha o dom de compor. Às vezes vinha e já manda uma melodia e a gente gravava. Colocava letra e saía uma música", relembra André ao UOL.

O músico tem planos para lançar um álbum completo com convidados para lançar o material inédito garimpado do acervo da avó e revelou que, se tudo der certo, este trabalho sai em 2020.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade