Publicidade

Correio Braziliense

Horóscopo do dia: confira o que os astros revelam para este sábado (24)

Veja o horóscopo por Oscar Quiroga para desvendar este sábado, 24 de agosto, de acordo com cada signo


postado em 24/08/2019 06:00

Horóscopo deste sábado (24/8)(foto: AFP PHOTO / NASA/JPL-Caltech/DSS/)
Horóscopo deste sábado (24/8) (foto: AFP PHOTO / NASA/JPL-Caltech/DSS/)
 

O futuro sonha contigo

Data estelar: Vênus e Marte em conjunção; Lua quarto minguante em Gêmeos

O passado te mata um pouco a cada dia, porque teima em se repetir automaticamente através de ti, ao passo que esse tempo da repetição seria a chance de te aproximar um pouco mais do futuro com que sonhas, porque esse futuro também te sonha. Porém, evita perder tempo demais tentando te livrar do passado, se precisas de ajuda para isso procura um profissional de psicologia, mas cuida para verificar se essa pessoa já se livrou do passado dela ou se simplesmente se acomodou, como é normal acontecer. De todo modo, não perde tempo demais nisso, porque não é dialogando com teu passado que o superarás, mas conversando com teu futuro, te permitindo a confiança de que teus sonhos, uma vez despidos de fantasias, são produzidos pelo futuro que sonha contigo, enquanto tu sonhas com ele.

ÁRIES (nascimento entre 21/3 a 20/4)

Cada passo que você dá implica numa nova potencialidade que se abre. Este momento é muito rico e é por isso mesmo que precisa ser aproveitado com muito cuidado, para não correr o risco de tudo ficar na promessa.

TOURO (nascimento entre 21/4 a 20/5)

Force os acontecimentos, mas tão somente se você estiver no humor pertinente a brilhar sem pudor, ainda que cometendo erros. Atitude é tudo para o ser humano! Com a atitude certa, você avançará com vigor e firmeza.

GÊMEOS (nascimento entre 21/5 a 20/6) 

Essa dinâmica que está se instalando em seu ambiente e que afeta a você diretamente e às pessoas próximas de forma indireta, é o prenúncio de um tempo bastante agitado. Da potencialidade à realização, esse é o movimento.

CÂNCER (nascimento entre 21/6 a 21/7)

Tudo que você precisa está ao alcance de sua mão, potencialmente contido nos relacionamentos cotidianos que, por funcionarem no automático, parecem irrelevantes demais para ser tidos em conta. Observe melhor.

LEÃO (nascimento entre 22/7 a 22/8)

Aquilo que você quer não acontecerá por obra da sorte, por isso, retire sumariamente de sua mente essa perspectiva e, a partir de então, comece a dar seu melhor para forçar os acontecimentos e os dobrar à sua vontade.

VIRGEM (nascimento entre 23/8 a 22/9)

Ainda que a tensão seja enorme, procure enxergar por trás dela, pois, há movimentos realizadores em marcha e não poderia nada disso acontecer na paz absoluta. A tensão é a marca da criatividade, essa é a realidade.

LIBRA (nascimento entre 23/9 a 22/10)

Muitas potencialidades se abrem neste momento, porém, é preciso silenciar a respeito delas, porque são perspectivas que hão de ser tratadas com cuidado e carinho, para que germinem em condições ideais. Tudo em silêncio.

ESCORPIÃO (nascimento entre 23/9 a 21/11)

O vigor com que as pessoas apresentam seus projetos e vontades se torna compatível com aquilo que você imagina realizar no futuro. Esse é um bom começo de caminho, porém, tenha em mente isso, é apenas o começo.

SAGITÁRIO (nascimento entre 22/11 a 21/12)

A inação não há de ser uma opção nesta parte do caminho, é preferível errar por se atrever a tentar do que depois se arrepender de nada ter feito. Errando é possível consertar, não agindo é impossível consertar.

CAPRICÓRNIO (nascimento entre 22/12 a 20/1)

Importa mais o que possa ser aplicado na prática de imediato do que lindas ideias voando longe num futuro distante. Tenha isso em mente, não para rejeitar essas ideias lindas, mas para as adequar às necessidades.

AQUÁRIO (nascimento entre 21/1 a 19/2)

Se você investigar direito, a verdade virá à tona. Porém, é preciso que você tenha em mente que a verdade é uma faca de dois gumes, corta também à pessoa que a brandir. Por isso, ande com cuidado e prudência.

PEIXES (nascimento entre 20/2 a 20/3)

O ideal parece próximo, porém, o real se interpõe e cria distância. Na prática, isso significa que quando estava tudo prestes a acontecer, lá vêm novas limitações a mudar o panorama. Paciência, não é o fim do mundo.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade