Publicidade

Correio Braziliense

Em livro, Paulo Baron compartilha histórias ao lado de astros do rock

Na biografia 'Rocking all my dreams', o mexicano radicado no Brasil conta histórias dessa longa estrada na indústria do rock mundial


postado em 25/08/2019 06:10

Na biografia, Paulo Baron conta sua trajetória de mais de 30 anos ao lado de estrelas do rock(foto: Top Link Music/Divulgação)
Na biografia, Paulo Baron conta sua trajetória de mais de 30 anos ao lado de estrelas do rock (foto: Top Link Music/Divulgação)


“Faz 30 anos que trabalho no showbusiness, e estou sempre em turnê. Nos meus dias de descanso, eu chamava o Emerson e, em vez de sair para ver o mar ou algo assim, eu contava minhas histórias para ele, e ele ia escrevendo”, conta Paulo Baron Rojo, mexicano radicado no Brasil que se tornou um dos mais bem-sucedidos empresários da indústria do rock mundial. Na biografia Rocking all my dreams, publicada em maio, ele e o escritor Emerson Cristis Anversa contam as histórias dessa longa estrada ao lado de grandes astros do rock como Tarja Turunen (ex-Nightwish), Creendence Clearwater Revisited, Sepultura, Scorpions, Twisted Sister e Angra.

O livro, aliás, tem dois prefácios, um escrito por Dee Snider, vocalista do Twisted Sister, e outro por Kiko Loureiro, guitarrista do Angra e do Megadeth. A orelha, por sua vez, é assinada pelo guitarrista Rudolph Shenker, da banda Scorpions. “Quando eu comecei a escrever o livro, há dois anos, o Kiko correu e me falou que queria escrever o prefácio. Para mim, foi muito importante, porque ele, assim como eu, representa o latino-americano que realizou seus sonhos em um ambiente hostil como o showbusiness estrangeiro”, conta Baron. Kiko Loureiro, guitarrista de uma das maiores bandas do metal nacional, o Angra, tornou-se guitarrista da banda americana Megadeth.

Se no primeiro prefácio o guitarrista tece loas ao profissionalismo e à competência de Baron, Dee Snider escreve um texto muito mais leve e afetuoso, destacando o lado fã de rock do empresário: “O que me diz quando estou fazendo um show e olho para o lado do palco e vejo o promotor do meu show — um dos maiores promotores de shows na América do Sul — se divertindo como um adolescente e cantando junto cada música?”, escreveu Snider. A frase dá o tom do livro e da trajetória de Baron, um fã de rock’n’roll que se tornou bem-sucedido fazendo o que gosta. “A ideia é mostrar que o fã pode conseguir seus sonhos se ele faz as coisas bem feitas”, sintetiza o biografado.

A biografia conta a trajetória do produtor desde quando se encantou com o rock, ainda no México, até os dias de glória produzindo shows de grandes nomes que admirava na juventude, passando por suas peregrinações pelo mundo até se fixar no Brasil. E esses dias continuam até hoje. “São 30 anos vendo todo dia e trabalhando todos os dias na minha vida nisso”, sentencia. Apesar da proximidade com os ídolos, Baron sabe respeitar os limites entre amizade e trabalho. “É uma coisa cultural em mim, por ter morado na Europa. Você acaba convivendo com os artistas ao longo dos anos, mas trabalho é trabalho. Se você entrega um trabalho mal feito, a pessoa deixa de ser sua amiga”, ensina.

Paulo Baron conta que, nestes anos todos, o trabalho nunca deixou de estar atrelado ao prazer, e que até hoje só trabalhou com artistas que admirava artisticamente ou profissionalmente. “Minha luta de todo dia é nunca deixar de ser um fã. Para mim, é superimportante essa vibração, essa ligação”, declara. Baron conta que faz questão de estar sempre nos melhores lugares da plateia e aproveitar os shows ao máximo. “Faço isso pra sentir toda a energia desse show e poder falar: eu vi esse show como ninguém viu. E isso já me faz viver muito bem”. Não é à toa que Dee Snider o convidou para atuar no último clipe de sua banda. “O sonho de qualquer fã é se tornar amigo de seu ídolo”, afirma.
 
 
Rocking all my dreams
Biografia. Paulo Baron e Emerson Cristis Anversa. Preço: R$ 50. Disponível em livrarias de todo o Brasil ou pelo site www.editorainverso.com.br
 

*Estagiário sob supervisão de Severino Francisco 
 
 
 
 
 
 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade