Publicidade

Correio Braziliense

Conheça os lugares que oferecem shows ao vivo em Brasília

O Correio fez um passeio pelos lugares que oferecem shows de samba, rock, jazz e blues


postado em 15/09/2019 07:00 / atualizado em 14/09/2019 18:47

(foto: Luis Tajes/Gentil Cafe/Divulgação)
(foto: Luis Tajes/Gentil Cafe/Divulgação)

Por lá passaram boa parte da velha guarda do samba — de Nelson Sargento à Dona Ivone Lara — e praticamente todos os sócios do Clube da Esquina. Foi onde Baden Powell fez sua última apresentação em Brasília. De Rosa Passos ao Liga Tripa, são incontáveis os cantores, instrumentistas e grupos brasilienses que já receberam acolhida naquele palco.

O Feitiço Mineiro, que em outubro celebra 30 anos, é um símbolo, entre lugares do circuito noturno da capital que, enfrentando a crise econômica que assola o país e aos excessos da Lei do Silêncio, continuam a oferecer música ao vivo para seus frequentadores. O bar e restaurante da 306 Norte é um símbolo da resistência nesse segmento.

“Vejo o Feitiço Mineiro como uma extensão da minha casa. É um lugar essencial, do qual sou frequentador há 28, onde costumava me encontrar com o saudoso amigo Jorge Ferreira, um visionário, que transformou o Feitiço num centro de propagação da cultura em Brasília” afirma o servidor público Moacir Amaral. “Estarei lá em outubro para participar da celebração dos 30 anos”, acrescenta.

Mas, apesar dos pesares, há em vários pontos do Distrito Federal estabelecimentos em que os shows de diferentes estilos musicais são apresentados com regularidade. Com isso, além de abrirem espaço para os artistas da capital, esses locais mantêm o salutar hábito de entreter a clientela com choro, samba, outros ritmos brasileiros, jazz, pop rock e blues, que servem de complemento ao cardápio de bebidas e comidas da casa.

Apreciador de um bom show de voz e violão, José Monte se considera um boêmio e diz que o BSBeer é o seu lugar favorito no Sudoeste. “Lá, encontro os amigos, tomo uma boa cerveja e curto os shows que o bar promove. Com pouco tempo de funcionamento, o local já pode ser considerado um dos points do bairro”, destaca.

“Um bar ou restaurante com música boa faz toda a diferença. Vou bastante ao Dolce Far Niente, em Águas Claras, desde a inauguração, porque sei que lá sempre há shows com músicos de qualidade”, ressalta a administradora Ana Paula Leite Souza. O charme especial é, sem dúvida o pianista Mauro Souza, intérprete de lindas canções”.

Em novo passeio por esta área, o Correio sugere locais para se apreciar música ao vivo, na Asa Norte, Asa Sul, Sudoeste, Setor de Indústrias Gráficas, Águas Claras, Taguatinga e região dos Condomínios. Conheça e aproveite.

(foto: Arquivo Pessoal)
(foto: Arquivo Pessoal)


Feitiço Mineiro 

(306 Norte) – O mais tradicional palco no âmbito das casas noturnas de Brasília, o bar e restaurante da 306 Norte completa 30 anos em outubro com uma vasta programação musical que será aberta no dia 4 com o show que reúne o grupo pernambucano Quinteto Violado e o cantor e compositor piauiense Clodo Ferreira. Quem se apresentou, ontem, ali foi a banda Radio Amadores (foto), que revisita o legado de ícones do rock das décadas de 1950, 1960 e 1970, como Elvis Presley, Beatles e Rolling Stones. Não recomendado para menores de 18 anos. Informações: 3272-3032.

Pinella 

(408 Norte) – Desde a inauguração, há oito anos, que o Pinella oferece música ao vivo aos clientes. Atualmente, pode-se apreciar jazz às terças-feiras, com o grupo BeJazz, grupo liderado pelo contrabaixista Eudes Carvalho; ritmos variados — choro, baião, blues e rock — na interpretação de instrumentistas como Léo Benon, Geoge Lacerda, João Ferreira e Bartô Blues, à quartas-feiras; e roda de samba, às sextas-feiras, sob o comando da cantora Karla Sangaleti. Não recomendado para menores de 18 anos. Informações: 33478334.

Mundo Vivo Galeria 

(413 Norte) — Espaço de artes às margens do Parque Olhos D’Água, que funciona há dois anos, transformou-se num ponto de encontro doas amantes de música de qualidade. Preocupado com a questão da emissão sonora, investiu no tratamento acústica. Ali há shows de MPB e jazz de quarta-feira a domingo. A atração de ontem foi o grupo Maria e o vento, que tem como vocalista a cantora Maria Clara. Classificação indicativa livre.
 
(foto: Sueli Estrela/Divulgação)
(foto: Sueli Estrela/Divulgação)
 

Ticiana Werner 

(201 Sul) – Aberto há 11 anos, há dois o Ticiana passou promover shows de estilos diversos durante toda a semana. O destaque da programação é Rosana Brown (foto), intérprete de MPB, jazz e bossa lounge, que participou da edição deste ano do The Voice Brasil. Ela é acompanhada por Félix Júnior (violão7 cordas) e Alan Ribeiro (trompete). Classificação indicativa livre. Informações: 3226-9947.

Rapport Cafés Especiais Bistrô 

(201 Sul) — É na quinta-feira que a música dá o tom no Rapport. A próxima atração, no dia 19, às 20h, é o Tor2gether, formado cantora sueca Kajsa Beier e o pianista brasileiro Gregore Júnior. Do repertório do duo constam clássicos da obra de Tom Jobim, John Lennon, Billy Joel e Michael Jackson. Classificação indicativa livre. 
Informações: 3322-0259.

Gentil Café 

(411 Sul) — Há um ano em funcionamento, o Gentil Café de imediato abriu espaço para a música, promovendo o projeto Quarta só Jazz , no qual já se apresentaram destacados músicos da cidade, como Esdras Nogueira, Igor Diniz, Jhoninha Medeiros, Eladio Oduber Pedro Vasconellos. O show da última quarta-feira foi da cantora Patrícia Medeiros (foto em destaque), que passeia com familiaridade por estilos pela MPB, jazz, reggae e pop rock. Hoje, entre 10h e 12h, haverá apresentação do Jazz na Casa. Classificação indicativa livre. Informação: 3546-8651

Stadt Bar Music 

(SIG Bloco G) – No dia 28 próximo, o Stadt Bar Music comemora dois anos de existência. Com programação variada durante toda a semana, tem como ponto alto as noites de sexta-feira e sábado, quando bandas de rock sobem ao palco. Ontem, o show foi da Radio Rock, que toca clássicos do gênero. Não recomendado para menores de 18 anos. Informações: 3022-0161.

BSBeer 

(CLSW 103, Bloco (Sudoeste) – Aberto em 2017, o BSBeer tem música no cardápio de quinta-feira a sábado. Renato Rendeiro, cantor-residente solta a voz às quintas-feiras, interpretando estilos diversos. Não recomendado para menores de 18 anos. Informações: 3263-2428.

Santa Fé 

(Condomínio San Diego / Jardim Botânico) — Inaugurado há seis anos, desde então o bar e restaurante Santa Fé mantém programação musical de quarta-feira a sábado. Por lá já passaram nomes famosos da música brasileira como Geraldo Azevedo, Lô Borges, Aragão e Sérgio Brito (Titãs). Ontem, o público curtiu o pop rock da banda Insite. Não recomendado para menores de 18 anos. Informação: 3427-2312.

Dolce Far Niente 

(Avenida Castanheiras 1060/ Águas Claras) — Parte de um complexo gastronômico a pizzaria Dolce Far Niente oferece música à clientela de terça-feira a domingo, com programação eclética, que vai do jazz a canções de tilhas de filmes famosos. Às quintas, o pianista Mauro Souza e o violinista Igor Macarini tocam jazz, MPB e pop macional e internaciomal. Classificação indicativa livre. Informações: 3524-2263.
 
 
 
 
 
 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade