Publicidade

Correio Braziliense

Fundação Athos Bulcão lança financiamento coletivo para calendário 2020

Com imagens de obras do artista, o produto vai homenagear os 60 anos de Brasília


postado em 17/10/2019 17:00 / atualizado em 17/10/2019 17:08

Evento de lançamento do calendário, em 2016(foto: Gustavo Moreno/CB/D.A Press)
Evento de lançamento do calendário, em 2016 (foto: Gustavo Moreno/CB/D.A Press)

Está aberta a campanha de financiamento coletivo para o Calendário Ilustrado Athos Bulcão 2020. Até 1º de dezembro, a população poderá contribuir online, a partir de R$ 30, pelo Catarse. A próxima edição comemora os 60 anos da capital, com reprodução das obras do artista que deu cor e forma à cidade. Confira o vídeo:
 
 

Se batida, a meta de R$ 65 mil irá bancar a produção e a distribuição de 10 mil calendários de parede, de 30x30cm, além de ajudar a manter o legado de Athos Bulcão. O dinheiro doado inclui o frete para todo o país e o nome nos agradecimentos — desde que feitas até 3 de novembro —, além de recompensas (a depender do valor): ecobag, mouse pad, colar, livro e marca-páginas são alguns exemplos.

As páginas dos exemplares trarão obras que o artista criou para prédios na cidade durante a construção, entre o final da década de 1950 e o início da de 1960. Para decidir a capa, haverá votação no Instagram.

Para marcar o mês de janeiro, como é tradicinal, estudantes de colégios públicos farão releituras de trabalhos de Athos. A publicação é realizada anualmente, há duas décadas, pela Fundação Athos Bulcão, sem fins lucrativos.

Natural do Rio de Janeiro, Athos Bulcão se radicou em Brasília em 1958, onde viveu até 2008, ano de sua morte. Congresso Nacional, Teatro Nacional Claudio Santoro, Palácio do Itamaraty, Palácio do Jaburu, Memorial JK, Capela do Palácio da Alvorada e Hospital Sarah Kubitschek são locais que têm suas obras como marca.

Serviço
Campanha Calendário Ilustrado Athos Bulcão 2020

Até 1º de dezembro, pelo Catarse. Apoios de R$ 30 a R$ 15 mil.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade