Publicidade

Correio Braziliense

Friends negocia um retorno para episódio especial na HBO Max

O elenco completo e os produtores da séries estão em negociação para o reencontro


postado em 13/11/2019 14:18 / atualizado em 13/11/2019 14:18

Friends teve seu último episódio há 15 anos(foto: USA. BURBANK - CA)
Friends teve seu último episódio há 15 anos (foto: USA. BURBANK - CA)

 
Comédia amada que ficou dez temporadas no ar, Friends pode retornar para o novo serviço de streaming HBO Max. Segundo o site norte-americano Hollywood Reporter, os seis protagonistas, Jennifer Aniston, Courteney Cox, Lisa Kudrow, Matt LeBlanc, Matthew Perry e David Schwimmer, além dos dois produtores David Crane e Marta Kauffman, estão negociando o reencontro dos amigos nova-iorquinos que marcaram o final dos anos 1990 e início dos anos 2000.

Contudo, a reunião não é uma tarefa fácil. As negociações ainda estão em fase inicial e, mesmo que se concretizem, o reencontro pode não acontecer se as agendas dos atores e produtores não coincidirem.

Este ano comemoram-se os 25 anos do primeiro episódio da série. A Warner Bros., detentora dos direitos do programa, está fazendo uma série de eventos especiais para relembrar os momentos marcantes de Friends, entre eles, espaços especiais com objetos da série e sessões de cinema com episódios icônicos.

A ideia de um projeto de retorno começou a ser especulada após Jennifer Aniston iniciar a conta de Instagram com uma foto dos seis protagonistas juntos novamente. Além disso, a atriz ainda falou em entrevista à apresentadora Ellen Degeneres que o grupo “está trabalhando em algo”.

Friends ficou 10 anos no ar e foi uma das séries mais populares da história. Recentemente, a série ganhou novos fãs por estar no catálogo da Netflix. No final do ano, o programa que conta história da amizade Ross, Rachel, Chandler, Monica, Phoebe e Joey mudará de plataforma e estará disponível exclusivamente na HBO Max. Um retorno especial da série pode ser o chamariz para assinantes novo serviço de streaming.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade