Publicidade

Correio Braziliense

MAX 2019: 80% do conteúdo consumido no Globoplay é dublado

A informação foi divulgada durante o painel 'O futuro da mídia: tecnologia e hábitos de consumo' e reforçada na palestra seguinte intitulada 'A voz dos personagens'


postado em 28/11/2019 17:14

(foto: Adriana Izel/CB/D.A Press)
(foto: Adriana Izel/CB/D.A Press)

Belo Horizonte -- As versões dubladas de filmes e séries internacionais são extremamente populares entre o público brasileiro. Isso é notável nas sessões de cinema e nos números divulgados anteriormente pela Netflix sobre a preferência do público brasileiro. E, agora, confirmado também pela Globoplay, plataforma on-demand da Rede Globo

Durante o painel "O futuro da mídia: tecnologia e hábitos de consumo" no Minas Gerais Audiovisual Expo -- MAX 2019, que teve início nesta quinta-feira (28/11), o tema foi abordado com a divulgação de que 80% do conteúdo da plataforma é consumido em versão dublada pelos usuários. Essa força da dublagem também foi tema do painel seguinte "A voz dos personagens", com a presença dos atores em dublagem Philippe Maia e Maíra Góes. Os dois atores fizeram parte do time da Herbert Richers S.A. e, atualmente, prestam serviços de dublagem para a Globosat. 

A dupla aproveitou a oportunidade para explicar que os dubladores são, na verdade, atores. Todos precisam ter o registro profissional, além de que a atuação é essencial na qualidade da dublagem das produções. "É uma exigência legal ter o registro como ator, mas todo mundo nasce sem registro, o que se tem é talento. O talento independente do registro", avalia Phillipe Maia, conhecido por dar vozes a personagens vividos por nomes como Tom Cruise e Jared Padalecki (o Sam, de Supernatural).

Phillipe e Maíra também contaram sobre os bastidores. De acordo com eles, os grandes filmes e séries escolhem os dubladores a partir de testes dos três principais personagens. Em geral, três atores e atrizes participam da disputa, que tem resultado final escolhido pelo estúdio. Esse é um ponto que a dupla aponta como uma falha. Eles acreditam que os demais personagens também poderiam contar com o mesmo cuidado. "Não adianta só os três principais serem dublados por bom dubladores. É importante que a boa atuação também vá para o coadjuvante", comenta Maia.

Dúvida frequente entre o público, os atores esclareceram sobre se um dublador será sempre a voz oficial do mesmo ator estrangeiro. Apesar disso costumar acontecer, não é uma regra. "Quando os dubladores são a voz de um ator, chamamos que ele é o boneco de fulano. Existe uma tendência a se repetir, por essa conexão com o público. Mas nada impede que mude", conta Maíra. A atriz diz que é possível acompanhar isso em sites como o dubla.com.br, uma espécie de banco de dados dos atores em dublagem.

*A repórter viajou a convite da MAX 2019

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade