Diversão e Arte

Apresentador do Globo de Ouro levanta polêmicas em discurso de abertura

Entre as "pérolas", ele disse que foi um ano com muitos filmes sobre pedofilia, inclusive Dois papas

Lorena Pacheco
postado em 05/01/2020 22:17
GervaisNo discurso de abertura do Globo de Ouro 2020, Ricky Gervais, conhecido por seu humor peculiar e bastante ácido, começou alfinetando todos os presentes e levantando polêmicas. Entre as "pérolas", ele disse que foi um ano com muitos filmes sobre pedofilia, inclusive Dois papas, estabelecendo uma ligação com os casos de pedofilia da Igreja Católica.

Disse também que a Associação de imprensa estrangeira é muito racista, mas que ele não iria apresentar uma premiação em que na sessão de In memoriam houve mais mortos brancos do que negros.

Gervais ainda disse que ninguém hoje vai mais ao cinema, ou vê televisão, só se vê Netflix, numa referência aos vários filmes que estão concorrendo à premiação neste ano, e que a premiação deveria ser somente entregar os troféus para eles.

O apresentador ainda lembrou a polêmica de Martins Scorsese que fez comentários contra os filmes da Marvel, dizendo que eles pareciam parques de diversão, sendo que o próprio diretor frequenta esse tipo de lugar.

Sobre um dos filmes mais cotados para ganhar a noite, "O irlandês", Gervais disse que é realmente um filme muito bom, mas longo, assim como Era uma vez em Hollyhwood. Ele também disparou farpas contra a baixa audiência da adaptação para o cinema da peça consagrada Cats.
[FOTO1519977]
[FOTO1519961]

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação