Publicidade

Correio Braziliense

Saiba onde assistir aos filmes indicados ao Oscar 2020, no cinema e na tevê

Veja onde encontrar os longas indicados ao Oscar 2020. Algumas produções estão em cartaz nos cinemas da cidade, outras, disponíveis nos serviços de streaming e on-demand


postado em 13/01/2020 18:17 / atualizado em 13/01/2020 18:29

Com 11 indicações, Coringa não está mais no cinema, mas pode ser visto em serviços de compra ou aluguel on-demand(foto: Warner Bros./Divulgação)
Com 11 indicações, Coringa não está mais no cinema, mas pode ser visto em serviços de compra ou aluguel on-demand (foto: Warner Bros./Divulgação)
Todo início de ano, um assunto toma as rodas de conversa dos cinéfilos mundo a fora: os filmes indicados ao Oscar. Embora sempre divida opiniões, a premiação mais importante da indústria cinematográfica norte-americana promove uma corrida do público, que busca chegar ao dia da festa tendo assistido ao maior número possível de indicados.

Uma boa notícia é que muitos dos filmes que concorrem ao Oscar 2020 já podem ser assistidos no conforto de casa, nos vários serviços de streaming ou on-demand existentes. Outros títulos ainda estão em cartaz nos cinemas da cidade. E há ainda aqueles cuja data de estreia nas salas já está programada.

Veja a seguir onde assistir a filmes que disputam o tão aguardado 92º prêmio da Academia de Artes e Ciências Cinematográficas.


Filmes do Oscar 2020 em casa

O streaming cada vez mais ganha espaço na temporada de premiações e no Oscar não seria diferente. Dois indicados a Melhor Filme são produções da plataforma Netflix. São eles O Irlandês, com dez indicações, incluindo a principal, e História de um casamento, que disputa o grande prêmio mais cinco categorias.

O popular serviço ainda produziu e disponibiliza: Klaus e Perdi meu corpo, que concorrem à estatueta de Melhor Animação; o longa Indústria americana, que concorre a Melhor Documentário; e o filme Dois papas, dirigido pelo brasileiro Fernando Meirelles, que aparece três vezes na lista, sendo uma a indicação de Melhor Ator para Jonathan Pryce.

A Netflix ainda funciona como distribuidora e disponibiliza Democracia em vertigem (da brasileira Petra Costa, que concorre a Melhor Documentário) e A vida em mim, Melhor Documentário em Curta-Metragem.

Outros filmes indicados já estão disponíveis para serem alugados em serviços de televisão a cabo. Um dos mais indicados e favorito ao prêmio de Melhor Filme, Era uma vez... em Hollywood pode ser visto pela TV de forma paga, o longa concorre dez prêmios incluindo o mais cobiçado da noite.

Coringa, o mais contemplado da lista, com 11 indicações, incluindo Melhor Filme, acaba de entrar em pré-lançamento nos serviços on-demand e também já pode ser visto do sofá de casa. Na mesma situação estão as animações Toy Story 4, Link perdido e Como treinar seu dragão 3, concorrentes da categoria Melhor Animação, assim como Dor e Glória, que disputa as estatuetas de Melhor Ator com Antonio Banderas e Melhor Filme Estrangeiro.

Assistindo ao Oscar no cinema

O Oscar é mais uma das premiações que leva em consideração o calendário de estreias dos Estados Unidos. Portanto, alguns filmes que concorrem estão estreando agora nos cinemas brasileiros e outros estão no fim de seu período em cartaz nas telonas espalhadas pelo país.
 
Parasita, indicado a seis Oscars incluindo Melhor Filme, já estava em sendo exibido desde o fim de 2019 e por pouco não saiu cartaz. O filme ganhou uma sobrevida agora e pode ser visto em três salas da cidade.

Em situação oposta está o longa Adoráveis mulheres, que aparece seis vezes na lista da Academia (incluindo Melhor Filme), e acaba de estrear, podendo ser conferido em diversas salas.

Também estão em cartaz no DF O escândalo, que concorre a três estatuetas, incluindo Melhor Atriz e Melhor Atriz Coadjuvante; O caso Richard Jewell, que aparece também na disputa de atriz coadjuvante; e Entre facas e segredos, presente na categoria Melhor Roteiro Adaptado.

Onde ver os indicados a Melhor Filme

  • O Irlandês: Netflix
  • Era uma vez em... Hollywood: no Cinemark Pier e em serviços sob demanda das operadoras de TV
  • História de um casamento: Netflix
  • 1917: estreia nos cinemas do país em 23 de fevereiro
  • Parasita: em cartaz no Liberty Mall, Casa Park e Cine Brasília
  • Jojo Rabbit: estreia nos cinemas dia 6 de fevereiro
  • Ford vs. Ferrari: fora dos cinemas e ainda indisponível no serviço das operadoras
  • Adoráveis mulheres: em várias salas de cinema de Brasília 
  • Coringa: disponível no serviço sob demanda das operadoras de TV

Filmes que ainda chegarão ao cinema

Dois dos concorrentes a Melhor Filme, Jojo Rabbit, que teve mais cinco indicações, e 1917, que aparece mais nove vezes na lista, ainda não chegaram aos cinemas brasileiros. O primeiro tem data prevista para pertinho do Oscar, em 6 de fevereiro. O segundo tem estreia prevista para 23 de fevereiro, após a cerimônia de premiação, que ocorre em 9 de fevereiro.

Judy: Muito além do arco-íris, com indicação a Melhor Atriz para Renée Zellweger; e Um lindo dia na vizinhança, indicação de melhor ator coadjuvante para Tom Hanks, têm lançamentos previstos para 16 e 23 de janeiro respectivamente. Harriet, que disputa duas estatuetas, incluindo Melhor Atriz para Cynthia Erivo, não tem data de estreia definida.

* Estagiário sob supervisão de Humberto Rezende

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade