Publicidade

Correio Braziliense

Consagrando 'Parasita', SAG Awards revela os vencedores do prêmio

O Sindicato dos Atores entrega prêmios 'cartas marcadas', tanto no cinema, quanto na TV. As maiores surpresas ficam por conta dos contemplados em Melhor elenco


postado em 20/01/2020 11:47 / atualizado em 20/01/2020 12:16

(foto: AFP / Robyn Beck)
(foto: AFP / Robyn Beck)

Foram entregues no último domingo (19/1) os prêmios do Sindicato dos Atores, um dos principais termômetros do Oscar. O SAG Awards agraciou as performances esperadas tanto em cinema quanto em televisão. Porém, Parasita levou o prêmio de Melhor elenco, assim como as séries The Crown e A maravilhosa sra. Maisel, desbancando os favoritos das categorias que disputavam.

O Melhor elenco de cinema parecia estar entre Era uma vez… em Hollywood ou História de um casamento, os dois filmes com maior número de indicações na premiação. No entanto, os votantes do Sindicato dos Atores optaram por contemplar Parasita com o maior prêmio da noite. Os membros do elenco já tinham sido ovacionados na apresentação do filme durante o evento, a vitória na categoria foi uma consagração do filme que já tinha feito história ao ser o primeiro longa sul-coreano a disputar a categoria principal do SAG Awards. 

[VIDEO 1]

No caso de tevê, as duas vitórias foram um tanto quanto surpreendentes. A maravilhosa sra. Maisel levou o prêmio principal em comédia em cima de Fleabagfranca favorita por ter ganhado todos os prêmios de Melhor série da temporada. Em drama, The Crown, a última a estrear entre as concorrentes, levou Melhor elenco para a Netflix, ganhando da derradeira última temporada de Game of thrones.

Em atuação para cinema deu a lógica, Joaquin Phoenix, por Coringa, e Renée Zellweger, por Judy: Muito além do arco-íris, levaram os prêmios de Melhor ator e atriz, assim como em todas a premiações prévias. O mesmo caso de Laura Dern, por História de um casamento, e Brad Pitt, por Era uma vez… em Hollywood, nas categorias de coadjuvante.

Em televisão, uma pequena surpresa ficou por conta de Jennifer Aniston ganhar Melhor atriz em série de drama pelo papel de Alex Levy na série The morning show. No restante, Peter Dinklage, que já havia ganhado o Emmy pelo papel de Tyrion em Game of thrones, levou Melhor ator em drama. O mesmo caso de Tony Shalhoub, intérprete de Abe Weissman em A maravilhosa sra. Maisel, na categoria Melhor ator de comédia. Phoebe Waller-Bridge, vencedora de todos os prêmios da temporada por Fleabag, ganhou Melhor atriz de comédia.

Fosse/Verdon dominou as categorias de atuação em minissérie: Michelle Williams e Sam Rockwell levaram as estatuetas do sindicato para casa. Em equipe de dublês, Vingadores: Ultimato ganhou em cinema e Game of thrones em séries.

Vencedores do SAG Awards, prêmio do Sindicato de Atores


MELHOR ELENCO DE FILME

Parasita

MELHOR ATRIZ

Renée Zellweger – Judy - Muito além do arco-íris

MELHOR ATOR

Joaquin Phoenix – Coringa

MELHOR ATRIZ COADJUVANTE

Laura Dern – História de um casamento

MELHOR ATOR COADJUVANTE

Brad Pitt – Era uma vez… em Hollywood

MELHOR ELENCO DE DUBLÊS EM FILME

Vingadores: Ultimato

MELHOR ELENCO DE SÉRIE DE DRAMA

The Crown

MELHOR ATRIZ EM SÉRIE DE DRAMA

Jennifer Aniston – The morning show

MELHOR ATOR EM SÉRIE DE DRAMA

Peter Dinklage – Game of thrones

MELHOR ELENCO DE SÉRIE DE COMÉDIA

The marvelous Mrs. Maisel

MELHOR ATRIZ EM SÉRIE DE COMÉDIA

Phoebe Waller-Bridge – Fleabag

MELHOR ATOR EM SÉRIE DE COMÉDIA

Tony Shalhoub – The marvelous Mrs. Maisel

MELHOR ATRIZ EM MINISSÉRIE OU FILME PARA A TV

Michelle Williams – Fosse/Verdon

MELHOR ATOR EM MINISSÉRIE OU FILME PARA A TV

Sam Rockwell – Fosse/Verdon

MELHOR ELENCO DE DUBLÊS EM SÉRIE DE COMÉDIA OU DRAMA

Game of thrones

*Estagiário sob supervisão de Adriana Izel

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade