Publicidade

Correio Braziliense

Fundo de Apoio à Cultura divulga resultado do edital de fomento ao carnaval

No total, 51 agentes culturais foram aprovados e mais de R$ 4 milhões serão investidos


postado em 27/01/2020 15:47 / atualizado em 27/01/2020 15:47

(foto: Shake It/ Divulgação )
(foto: Shake It/ Divulgação )
Divulgado na última sexta-feira (24/1), o resultado do edital de atividades fomentadas pelo Fundo de Apoio à Cultura (FAC) para o carnaval 2020 propõe investimento de mais de R$ 4 milhões e contará com 51 iniciativas habilitadas. Estas, por sua vez, beneficiarão diversos blocos da cidade, além de plataformas carnavalescas. 

Os agentes culturais aprovados pelo edital receberão do FAC até R$ 200 mil. Por outro lado, em caso de pessoa jurídica, o investimento pode ser de até R$ 1 milhão.

A partir desta segunda-feira (27/1), as propostas aceitas têm 15 dias para entregar todas as documentações necessárias e ainda fazer o cadastro na Plataforma do Sistema Eletrônico de Informações (SEI). Caso as etapas não sejam cumpridos, torna-se inviável a assinatura do Termo de Ajuste, portanto a admissão no projeto. 

Para efetivar o processo de cadastro, é imprescindível que as iniciativas apresentem o comprovante da Solicitação de Licenciamento (alvará). "Este ano, o governo do Distrito Federal será rigoroso com as licenças, uma vez que elas garantem o planejamento do Estado para eventos como este”, disse o secretário de Cultura e Economia Criativa Bartolomeu Rodrigues em comunicado oficial. 

Além disso, será oferecida pela subsecretaria de Fomento e Incentivo Cultural (Sufic) uma oficina de capacitação pelos admitidos da FAC Carnaval 2020. Por ser um novo edital, com novas regras e características, o subsecretário João Moro afirmou que “investir na capacitação dos agentes culturais torna os processos mais transparentes”.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade