Publicidade

Correio Braziliense

Horóscopo do dia: confira o que os astros revelam para este sábado (22/2)

Veja o horóscopo por Oscar Quiroga para desvendar este sábado, 22 de fevereiro, de acordo com cada signo


postado em 22/02/2020 01:00

Horóscopo deste sábado, 22 de fevereiro(foto: Stan Honda/AFP; CB)
Horóscopo deste sábado, 22 de fevereiro (foto: Stan Honda/AFP; CB)

Abandonados à própria sorte

Data estelar: Sol e Urano em sextil; Lua míngua Vazia em Aquário

 

Aqui na Terra Brasilis, hoje é um dia em que nossa humanidade está abandonada à sua própria sorte, porque nada no ambiente estelar lhe oferece firme apoio para sua busca desenfreada de excitação. Isso não significa que tudo dará errado, de jeito nenhum, mas pela experiência e inclinação, nossa humanidade tende a se complicar em vez de agir em benefício do maior número possível de pessoas. Por aqui e por aí haverá essas almas únicas e de valor inestimável protegendo seus semelhantes para evitar que tudo degringole perigosamente, mas com certeza, a imensa maioria, com suas atitudes negligentes e indevidamente temerárias, agregam fatores de risco ao movimento do destino por estes tristes trópicos. Redobra teu cuidado e atenção e nunca te esqueças de que a corrente sempre quebra no seu elo mais fraco.

ÁRIES (nascimento entre 21/3 a 20/4)

Algumas coisas você sabe, outras você ignora, mas se você ficar se martirizando com a imaginação de que aquilo que você desconhece seja perigoso e atente contra seus planos, vai acabar passando muito mal. Normalidade.

TOURO (nascimento entre 21/4 a 20/5)

Que outra coisa melhor haveria para fazer do que você se atrever a testar seus sonhos na realidade prática? Se a vida inteira fosse consagrada a esse exercício, hoje em dia você seria uma personalidade colossal.

GÊMEOS (nascimento entre 21/5 a 20/6)

Ainda que você não tenha muita clareza a respeito do sentido que as coisas andam tomando em sua vida, neste momento valeria a pena depositar um voto de confiança no mistério que rodeia a própria existência.

CÂNCER (nascimento entre 21/6 a 21/7)

O que é bom para as pessoas representativas de sua vida, certamente será bom para você também. Porém, na hora de isso acontecer, a alma gela e não sabe se o axioma se aplicaria a ela. Sentimentos e ressentimentos.

LEÃO (nascimento entre 22/7 a 22/8)

Ainda que a maior parte do tempo você se envolva em tarefas entediantes, que parecem carecer de um significado maior, mesmo assim seria sábio continuar dando seu melhor para as administrar. Está tudo em marcha.

VIRGEM (nascimento entre 23/8 a 22/9)

Permita-se entrar na onda excitante que circula através das pessoas mais representativas deste momento de sua vida. Aquilo que parece prudência nem sempre é algo positivo, às vezes serve apenas para mascarar o medo.

LIBRA (nascimento entre 23/9 a 22/10)

É aos poucos que vai se construindo um grande caminho. É hora de desistir de encontrar a grande tacada que produzirá, de uma vez só, a reviravolta pretendida. É hora de se dedicar com afinco às pequenas coisas.

ESCORPIÃO (nascimento entre 23/9 a 21/11)

Os conflitos dos relacionamentos não tornam as pessoas adversárias, apenas destacam aquilo que é diferente entre elas e, ao mesmo tempo, o estado de conflito convida a trabalhar para construir harmonia.

SAGITÁRIO (nascimento entre 22/11 a 21/12)

Evite precipitações, continue pela linha de tudo que foi combinado, porque apesar de não haver, nesse caminho, nada que se pareça com uma grande novidade ou um desafio instigante, é por aí que as coisas andam.

CAPRICÓRNIO (nascimento entre 22/12 a 20/1)

É muita coisa para você administrar, porém, você não chegou até aqui e agora pela mão misteriosa do destino, o que acontece a você é o justo resultado das atitudes que andou tomando no passado recente. É assim.

AQUÁRIO (nascimento entre 21/1 a 19/2)

Apesar de parecer ofensivo arquitetar relacionamentos baseados em interesse, no fundo sempre haverá algo disso em quaisquer uns. Por isso, não esconda de si suas reais intenções, faça elas valer nas negociações.

PEIXES (nascimento entre 20/2 a 20/3)

Ser independente não é o mesmo que tomar distância de todas as pessoas, porque por aí você só vai criar uma ilusão de independência. Ser independente é, na prática, arquitetar relacionamentos positivos e cordiais. 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade