Publicidade

Correio Braziliense

Curtas brasilienses premiados são liberados on-line

A produtora Sal promove lives debates sobre as produções. As conversas ocorrem nos próximos domingos, 26/4 e 3/5, sempre às 16h


postado em 24/04/2020 15:30

Nos próximos domingos, 26 de abril e 3 de maio, a produtora brasiliense Sal disponibilizará dois curtas-metragens para visualização e promoverá debates sobre as produções nas plataformas on-line. O documentário Entre parentes, de Tiago de Aragão, e a ficção Parte do que parte fica, de Camilla Shinoda, serão disponibilizados às 16h do sábado para o público e a conversa será sempre às 16h do domingo. 

O primeiro curta a ser exibido, Entre parentes, de 2018, dirigido por Tiago de Aragão, foi premiado em diversos festivais. Recebeu os prêmios de melhor curta-metragem da mostra Brasília do 51º Festival de Brasília de Cinema Brasileiro, melhor curta da Segunda Semana Paulistana de Curta-metragem e melhor filme da mostra competitiva nacional do 7º Curta Brasília. O documentário apresenta os embates entre povos indígenas e a bancada ruralista da Câmara dos Deputados.

O segundo, Parte do que parte fica, de 2019, dirigido por Camilla Shinoda, estreou no fim do ano passado no Festival LoboFest, levando o prêmio de melhor filme pelo júri popular da mostra Do outro lado do espelho. O curta é estrelado pela atriz pernambucana Nash Laila, e pelo ator baiano Sérgio Laurentino. Parte do que parte fica apresenta o provável último encontro entre os dois protagonistas: ele precisa partir, ela precisa encontrá-lo. O cenário político do país perpassa a despedida de Nash e Sérgio.

A produtora nasceu em 2017, por meio da parceria de três amigos realizadores audiovisuais de Brasília, Ana Rabelo, Camilla Shinoda e Tiago de Aragão, que já gerou três frutos: um videoclipe e dois curtas-metragens. Os dois curtas-metragens contam com a coprodução da Comova.

SERVIÇO

Entre parentes 
25 de abril, a partir das 16h, na página do YouTube Studio.Sal

Debate on-line sobre Entre parentes
26 de abril, às 16h, em meet.google.com/yza-qogo-suy

Parte do que parte fica
2 de abril, a partir das 16h, na página do Youtube Studio.Sal

Debate on-line sobre Parte do que parte fica
3 de abril, às 16h, em meet.google.com/yza-qogo-suy

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade