Publicidade

Correio Braziliense

Jon Steingard, da banda gospel Hawk Nelson, diz não acreditar mais em Deus

O cantor canadense comunicou aos fãs pelas redes sociais


postado em 27/05/2020 18:31

(foto: Reprodução/YouTube)
(foto: Reprodução/YouTube)

Jon Steingard, cantor e músico da banda gospel Hawk Nelson, anunciou nas redes sociais que não acredita mais em Deus. Filho de um pastor e vocalista da banda desde 2004, o artista publicou um longo texto, no qual revela que demorou para contar a verdade aos fãs. 

“Fiquei com medo de postar isso por um tempo – mas parece que é hora de ser sincero”, destacou Jon. “Depois de crescer em um lar cristão, ser filho de pastor, tocar e cantar em uma banda cristã, e ter a palavra cristão na frente da maioria das coisas da minha vida – agora estou descobrindo que não acredito mais em Deus”, seguiu.

No longo texto publicado por ele, o músico fala também sobre como começou a ter dúvidas sobre a existência de Deus. “Comecei a ter questões e dúvidas sobre isso. Pareceu que havia muitas contradições na Bíblia que não faziam sentido”, explicou.

“Se Deus é todo amor e todo poderoso, por que há tanta maldade no mundo? Ele não pode fazer nada sobre isso? Ele escolhe não fazer? A maldade no mundo é um resultado de seu desejo de nos dar liberdade? Se Deus é amor, por que ele manda as pessoas para o inferno?”, completou.


Em outra postagem, Jon Steingard agradeceu o carinho dos fãs e respondeu perguntas que surgiram após a declaração. O cantor confirmou que é agnóstico, bem como leu e estudou a Bíblia por várias vezes tentando entender o livro sagrado. Além disso, conta que orou e pediu para que Deus aparecesse, mas não sentiu que seu pedido foi atendido. Questionado sobre a amizade com cristãos, o músico disse que tem muitos amigos e que os respeita e ama da mesma forma. 

Ver essa foto no Instagram

(Swipe to read) Thank you all for the love. I feel it more than ever.

Uma publicação compartilhada por Jon Steingard (@jonsteingard) em

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade