Publicidade

Correio Braziliense

Grupo PÉS participa do Festival Latino-Americano de Dança e Inclusão

O projeto brasiliense de teatro-dança com pessoas com deficiência será responsável por uma oficina on-line em 5 de junho


postado em 29/05/2020 19:00

(foto: Reprodução/Internet)
(foto: Reprodução/Internet)

O grupo brasiliense PÉS, de teatro-dança com pessoas com deficiência, foi convidado para representar o país, pela segunda vez, no III Encontro Latino-Americano de Dança e Inclusão, organizado pela rede MICA (Mundo Integrado Con Amor) com sede na Argentina. Entretanto, com as restrições mundialmente impostas pela pandemia, o evento ganhou caráter virtual, com o título Un Abrazo Telemático e está com as mais de 20 atividades sendo mediadas pela internet. Iniciado na última segunda-feira (25/5), o evento se estende até 7 de junho.

Durante o evento, o grupo brasileiro será responsável por uma oficina de teatro-dança, no próximo dia 5, ministrada pelos integrantes Thais Cordeiro e Roges Moraes, e uma residência artística, de montagem coreográfica, dirigida por Rafael Tursi, a ser exibida via YouTube, na noite de 6 de junho. "Somos 18 artistas na residência. São pessoas vindas do Brasil, Argentina, Bolívia, Peru, Costa Rica e da Venezuela. Por meio da poesia e da linguagem corporal, falamos uma mesma língua, trocamos pesquisas, processos criativos e afetos", conta o diretor.

Transmissões ao vivo pelas redes sociais foram as primeiras atividades do isolamento para o grupo que, desde então, realiza lives semanalmente com conteúdos como troca de saberes e intercâmbio com profissionais que trabalham na área. Há, ainda, o conteúdo intitulado Quem cuida, em que recebem as mães e pais de parte dos integrantes com deficiência, para um papo sobre a vida fora do ensaio.

Quem quiser acompanhar as lives do grupo PÉS, pode acessar pelo endereço @projetopes, nas redes do Facebook e Instagram do grupo. A programação do III Encontro Latino-Americano de Dança e Inclusão está disponível em https://mica.org.ar/

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade