Publicidade

Correio Braziliense

Horóscopo do dia: confira o que os astros revelam para este sábado (30/5)

Veja o horóscopo por Oscar Quiroga para desvendar este sábado, 30 de maio, de acordo com cada signo


postado em 30/05/2020 01:00

Horóscopo deste sábado, 30 de maio(foto: Stan Honda/AFP; CB)
Horóscopo deste sábado, 30 de maio (foto: Stan Honda/AFP; CB)

Encontrando o tesouro

Data estelar: Lua quarto crescente em Virgem

 

Em vez de buscar uma voz oficial, seja a do governo, a da ciência ou a da religião, para te orientar nesta hora escura em que tens de tomar decisões difíceis, volta teus olhos aos teus semelhantes, que se encontram na mesma condição. Não temos mais a opção de uma fonte inequívoca de orientação, como outrora foi a religião que, depois, foi substituída pela ciência; nós temos apenas a nós mesmos, e isso não é pouca coisa. Apesar de que muitos de nossos semelhantes, em vez de ajudar nesse processo, só atrapalham disseminando desinformação e meias verdades com ares de definitivas e absolutas, a força que emerge desta pandemia é a da solidariedade. Qualquer movimento que estimule confronto e divisão, dá por certo que é contraproducente. Aquilo que estimular união e cooperação, aí encontrarás o tesouro.

ÁRIES (nascimento entre 21/3 a 20/4)

A criatividade passa por um processo inicial de destruição do que existe, para substituir por algo novo e melhor. Contudo, há de se monitorar com atenção para que o foco não seja a mera destruição do que existe.

TOURO (nascimento entre 21/4 a 20/5)

De uma maneira ou de outra, tomar iniciativas e colocar a bola em jogo é a boa perspectiva. Nesse caso, seria melhor errar por tentar do que cometer o erro de nada fazer, esperando por um sinal de assertividade.

GÊMEOS (nascimento entre 21/5 a 20/6)

Conforto e segurança, condições essenciais nesta parte do caminho. Busque construir essas virtudes fazendo uso do que estiver disponível e ao seu alcance. Com pouco, você fará grandes coisas. Não se esqueça.

CÂNCER (nascimento entre 21/6 a 21/7)

A clareza nem sempre é bem-vinda pelas pessoas, porque há um consenso silencioso de deixar os assuntos mais difíceis no ar, para ver se solucionam por si sós. Essa não seria uma opção sábia neste momento. Melhor não.

LEÃO (nascimento entre 22/7 a 22/8)

A melhor saída, agora, é a criatividade, porque só ela brindará a você com suporte fiel para que tome atitudes pontuais, caso a caso, sem esperar repetir as de sempre e colher resultados positivos. Tudo muda, você também.

VIRGEM (nascimento entre 23/8 a 22/9)

Por piores que sejam as iniciativas que você conseguir tomar, isso será melhor do que se acomodar nos acontecimentos e ficar esperando que algo novo se desenvolva. É hora de ir em frente, com o atrevimento divino.

LIBRA (nascimento entre 23/9 a 22/10)

A precipitação é tentadora, porque pareceria que, assim, as pressões que as pessoas exercem sobre você diminuiriam. Nada disso aconteceria e, depois, já tendo tomado decisões precipitadas, o conserto ficaria difícil.

ESCORPIÃO (nascimento entre 23/9 a 21/11)

Este não é o momento de fazer a devida triagem dos relacionamentos, porque o ambiente social misturou alhos com bugalhos, pessoas do seu apreço com as outras, que seria melhor desintegrar. É assim.

SAGITÁRIO (nascimento entre 22/11 a 21/12)

Em nome de tomar decisões, as mais sábias possíveis, você precisará ouvir todas as partes e ponderar as contradições que colocam as pessoas em confronto. Isso dará trabalho, mas é a melhor opção disponível.

CAPRICÓRNIO (nascimento entre 22/12 a 20/1)

Perceber oportunidades e não colocar em prática nada disso, esse é um erro bastante comum de acontecer. É uma espécie de expectativa de que o processo mágico do Universo fará tudo por si só. Nada disso, é você.

AQUÁRIO (nascimento entre 21/1 a 19/2)

Ainda que a vontade maior seja mandar tudo ao inferno, porque a paciência acabou, isso não acontecerá. Por isso, encontre uma maneira de se livrar desse excesso de energia emocional, e continue em frente. É isso.

PEIXES (nascimento entre 20/2 a 20/3)

Procurar culpados e definir vítimas não é o nome do jogo desta parte do caminho. Procure não se deter a fazer isso, porque seria perda de tempo e os resultados seriam contraproducentes. Siga em frente, o jogo é outro. 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade