Diversão e Arte

Arranjador Lincoln Olivetti é homenageado em disco com sucessos

O músico Lincoln Olivetti, morto em 2015, trabalhou com gente do calibre de Caetano Veloso, Gilberto Gil e Rita Lee

Irlam Rocha Lima
postado em 01/07/2020 06:10

Lincoln Olivetti é um dos principais arranjadores da história da MPB

Roberto Carlos, Caetano Veloso, Gilberto Gil, Tim Maia, Jorge Ben Jor, Gal Costa, Moraes Moreira e Rita Lee. Esses são apenas alguns dos astros e estrelas da MPB que têm a assinatura de Lincoln Olivetti como arranjador nas respectivas obras. Durante 40 anos, esse artista recluso, excêntrico, obcecado e perfeccionista teve presença marcante na cena musical brasileira. Mesmo sendo corresponsável por incontáveis hits, não chegou a ser, em vida, o nome conhecido pelo grande público. Vítima de um infarto, ele morreu em 2015.


No ano passado, Lincoln teve a obra resgatada na série de tevê intitulada O Mago do Pop. O projeto póstumo, com a participação do homenageado no pré-roteiro, pesquisa e depoimentos, com direção-geral de Omar Marzagão e Úrsula Corona, exibida no Canal Music Box Brasil, agora ganhou edição em álbum digital, lançado pela Biscoito Fino.


Um dos grandes atrativos de O Mago do Pop são as músicas registradas no estúdio da Biscoito Fino (Rio de Janeiro), com direção de Richard Goldgewicht, e na Malagueta Filmes, dirigida por Giovani Lima, reunidas no álbum. Boa parte são composições de Michael Sullivan, entre as quais Um dia de domingo, interpretada por Marina Elali; e Amor perfeito, composta por ele, Paulo Massadas, Robson Jorge e Lincoln Olivetti), na voz de Sullivan, autor também de Joga fora, gravada por Sandra de Sá. Outras gravações são as de Festa do interior (Moraes Moreira), com ele e Davi Moraes, Samba de verão (Marcos e Paulo Sérgio Valle), regravada por Marcos Valle, e Gozos a alma, de Francis Hime, interpretada por Leila Pinheiro.
;Mago é o adjetivo certo para chamar Lincoln Olivetti. Tive o maestro como arranjador de vários discos. Lincoln respirava música 24 horas por dia. Ele tinha tesão e emoção pelo que fazia. Vários artistas tiveram, como eu, a honra de tê-lo em seus trabalhos. No meu CD Ao Vivo Música Preta Brasileira, além de fazer os arranjos, ele tocou comigo. Lincoln está aqui no meu coração;, diz Sandra de Sá.
Ao falar sobre Lincoln Oliveti, Omar Marzagão destaca: ;Ficamos muito amigos após tê-lo convidado para fazer arranjos e reger a orquestra do show holográfico de Cazuza em 2014. Eu falei que alguém precisava contar a história dele. Lincoln, então, respondeu que eu era a pessoa mais indicada para isso. Lincoln morreu pouco tempo depois e, concluir a série, se tornou um ponto de honra para nós;. Na televisão, entre outros trabalhos, o maestro e arranjador foi diretor do The Voice Brasil.

SERVIÇO
Mago do Pop
Álbum com 11 músicas que trazem arranjos criados por Lincoln Olivetti, interpretadas por artistas diversos. Lançamento nas plataformas digitais pela gravadora Biscoito Fino.

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação