Publicidade

Correio Braziliense

Morre o dublador brasileiro Araken Saldanha aos 92 anos

Conhecido por dar voz ao Mestre Ancião, em 'Cavaleiros do Zodíaco', e Dr. Zoidberg, em 'Futurama', Saldanha foi um dos pioneiros da dublagem no Brasil


postado em 10/07/2020 19:42

(foto: Reprodução/Facebook)
(foto: Reprodução/Facebook)
Araken Saldanha, ator e dublador brasileiro morreu nesta quinta-feira (9/7) aos 92 anos. A informação foi revelada por Francisco Brêtas, colega de Saldanha na dublagem do anime Cavaleiros do Zodíaco. Araken estava aposentado há algum tempo devido a um enfisema pulmonar, retornando apenas para trabalhos pontuais na dublagem, como o remake da Netflix de Os Cavaleiros do Zodíaco, em que o dublador participou quase sem voz.

Dentre os trabalhos mais conhecidos de Araken Saldanha estão o Mestre Ancião, da saga Cavaleiros do Zodíaco, um senhor de 261 anos que treina Shiryu para ser cavaleiro de bronze de Dragão; e Dr. Zoidberg de Futurama. O ator também emprestou a voz a Hailah, o Imperador da Terra de Shurato, ao Dragão de Seis Estrelas de Dragon Ball GT e Shendu de As Aventuras de Jackie Chan.

Araken começou a carreira como ator na TV Tupi, aos 26 anos, na novela O homem sem passado. Antes disso, fez muitas novelas de rádio e locuções. Ainda em 1954 na TV Tupi, participou do seriado Falcão negro, que fez muito sucesso da época. Realizou diversos trabalhos na dublagem, mas foi em meados dos anos 1990 que iniciou o papel mais famoso em Os Cavaleiros do Zodíaco.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade