Diversão e Arte

Horóscopo do dia: confira o que os astros revelam para esta terça (14/7)

Veja o horóscopo por Oscar Quiroga para desvendar esta terça-feira, 14 de julho, de acordo com cada signo

Oscar Quiroga
postado em 14/07/2020 06:00
 (foto: Stan Honda/AFP; CB )
(foto: Stan Honda/AFP; CB )

Horóscopo desta terça-feira, 14 de julho

A desonestidade humana

Data estelar: Sol e Júpiter em oposição; Lua míngua em Touro

Guardadas as devidas proporções, o reino vegetal é o mais evoluído do planeta Terra, porque não se poupa nem por um instante, demonstra todo seu potencial, mesmo que tenha poucos recursos à disposição. No reino humano, contudo, não há garantia de acontecer o mesmo, ainda que houver todos os recursos à disposição para isso. Os vegetais são a generosidade encarnada, desabrocham o melhor de si dentro das condições prevalentes. Os humanos, porém, temos a capacidade de viver de forma desonesta, culpando isso ou aquilo por não desabrocharmos todo o potencial adormecido. A desonestidade nossa de cada dia adota formulações mentais sofisticadas para argumentar as razões de não sermos tudo que poderíamos ser. Por isso, mata teus pensamentos desonestos antes deles assassinarem o luminoso e sublime destino que podes realizar.

ÁRIES (nascimento entre 21/3 a 20/4)

Cantar vitória é legítimo, porém, dormir em cima dos louros tornaria efêmeras as vitórias. Faça tudo ao mesmo tempo, celebre o que seja merecido, mas cuide para não tirar o olhos de tudo que está sob sua responsabilidade.

TOURO (nascimento entre 21/4 a 20/5)

Enquanto você rumina seus argumentos na solidão de seus pensamentos, não há nenhum questionamento e, por isso, você está sempre com a razão. É hora de colocar os argumentos sobre a mesa e receber questionamentos.

GÊMEOS (nascimento entre 21/5 a 20/6)

Apesar de todas as incertezas, mesmo assim você terá de tomar algumas decisões, deixando de lado suas dúvidas. As dúvidas são eternas em sua natureza, mas isso não significa que seja desnecessário agir com firmeza.

CÂNCER (nascimento entre 21/6 a 21/7)

Nesta hora, em que o mundo ainda não sabe como tratar a dinâmica dos relacionamentos sociais, sua vida passa a ter um trânsito maior de pessoas e uma demanda maior pela sua presença. Tudo pode ser feito, mas com cuidado.

LEÃO (nascimento entre 22/7 a 22/8)

É hora de seguir em frente, apesar dos profundos questionamentos que sua alma faz, os quais, para serem digeridos, precisariam de longas horas de solidão, tomando distância de tudo e de todos. Isso não está disponível.

VIRGEM (nascimento entre 23/8 a 22/9)

Para que as pessoas tratem você do jeito que você quer, é preciso você as acostumar a serem tratadas por você desse jeito, porque de outra forma a balança das conexões sociais se desequilibraria. E agora vale o equilíbrio.

LIBRA (nascimento entre 23/9 a 22/10)

Rejeite todas as fantasias, pois, apesar de essas adoçarem a vida, neste momento desviam a atenção de todos os riscos envolvidos no caminho, os quais, não existem para ser driblados, mas para os aceitar com realismo.

ESCORPIÃO (nascimento entre 23/9 a 21/11)

Neste momento, valem os contatos sociais que você fizer e o quanto você começar a construir pontes que unam sua vida e interesses ao de certas pessoas, que estendem mãos amigas em sua direção. Dinâmica social.

SAGITÁRIO (nascimento entre 22/11 a 21/12)

Pegue todos os ingredientes disponíveis, e faça a receita. Está tudo por aí, esparso e desconectado, mas disponível, só falta você fazer uso de sua inteligência para integrar os elementos e fazer a receita.

CAPRICÓRNIO (nascimento entre 22/12 a 20/1)

Relacionamentos não acontecem por si sós, é preciso se dedicar cotidianamente ao processo de ajuste e lapidação. Relacionamentos são dimensões essenciais, que demonstram sua importância no dia a dia.

AQUÁRIO (nascimento entre 21/1 a 19/2)

De pouco em pouco se faz muito, mas se não houver boa vontade para se dedicar ao pouco disponível a cada momento, o muito sonhado nunca será conquistado. É hora de se munir da maior possível das boas vontades.

PEIXES (nascimento entre 20/2 a 20/3)

Apesar de que tudo, em sua mente, afirma que a razão está do seu lado, essa é uma experiência íntima que precisa ser verificada na prática, e a única maneira de o fazer é expor essas razões ao questionamento.

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação