Diversão e Arte

Horóscopo do dia: confira o que os astros revelam para esta quinta (16/7)

Veja o horóscopo por Oscar Quiroga para desvendar esta quinta-feira, 16 de julho, de acordo com cada signo

Oscar Quiroga
postado em 16/07/2020 06:00
 (foto: Stan Honda/AFP; CB)
(foto: Stan Honda/AFP; CB)

Horóscopo desta quinta-feira, 16 de julho

Atitude digna

Data estelar: Lua míngua em Gêmeos

Procura conhecer com lucidez os teus inimigos, feitos pensamentos desonestos que justificam tua indolência; conhece também as angústias que te atordoam tanto que vives sob seu peso, e não te deixam respirar direito. Conhecer teus inimigos é importante, te engajar na luta para os tornar mínimos também, porém, não te demores nessa contenda, porque podes te convencer de ter nascido para isso e não é assim. Teu destino não é lutar contra os inimigos, mas tornar isso uma eventualidade, de acordo com a necessidade, para poder seguir em frente e para cima. Ao destino de desabrochares todas tuas potencialidades e seres um humano colossal não chegarás lutando contra nada nem ninguém, mas apostando todos teus recursos a favor do que pretendas realizar. Lutar a favor, essa é a atitude que dignificará teu caminho.

ÁRIES (nascimento entre 21/3 a 20/4)

Muitas coisas acontecendo ao mesmo tempo não significa nada além disso, muitas coisas acontecendo ao mesmo tempo. Procure manter o foco nas questões importantes, para não se dispersar com essa diversidade toda.

TOURO (nascimento entre 21/4 a 20/5)

Tenha em mente que as incertezas são mais do que legítimas, e que essas não são causadas por nada do que você tenha feito ou deixado de fazer, são inerentes ao estado do mundo e ao momento histórico da humanidade.

GÊMEOS (nascimento entre 21/5 a 20/6)

Evite a inércia que paralisa os movimentos, procure tomar iniciativas, porque, mesmo que atrapalhadas, elas sinalizarão uma retomada do mínimo controle que você precisa ter sobre a construção de sua vida.

CÂNCER (nascimento entre 21/6 a 21/7)

Ainda que o cenário pareça negar, sua alma busca quietude e, por isso, se for necessário, tome atitudes firmes que distanciem você do barulho ao seu redor. Busque seu espaço e se acomode nele, em busca de quietude.

LEÃO (nascimento entre 22/7 a 22/8)

A desobediência é legítima quando as regras, na prática, não produzem bem-estar nem promovem progresso. As regras não existiram sempre, são criadas diante de necessidades e morrem quando não atendem mais a essas.

VIRGEM (nascimento entre 23/8 a 22/9)

Saia da toca e exponha suas opiniões, porém, não do ponto de vista teórico, porque isso só faria crescer o estado de conflito, mas de forma prática, demonstrando ao mundo como é que tudo deveria ser feito.

LIBRA (nascimento entre 23/9 a 22/10)

A lucidez há de ser bem-vinda em seu coração, porque, ainda que traga pensamentos que derrubam várias maneiras com que você fazia as coisas, se postos em prática se mostrarão mais eficientes. Sem perda de tempo.

ESCORPIÃO (nascimento entre 23/9 a 21/11)

As coisas só terminam quando terminam, e nem mesmo assim, porque a vida engata umas com as outras, operando sempre na continuidade. Aposte você também na continuidade, trabalhando de forma incansável a favor da vida.

SAGITÁRIO (nascimento entre 22/11 a 21/12)

Tome um tempo para suas decisões, nada de se precipitar para tirar de cima o que poderia esperar um pouco mais. Fazendo assim, você levará em consideração o ritmo das pessoas que é diferente ao seu. Isso ajudará.

CAPRICÓRNIO (nascimento entre 22/12 a 20/1)

O que parece difícil só é assim porque você ainda não colocou a mão na massa, porque quando o fizer, perceberá que era tudo difícil na teoria apenas. Melhor não perder tempo com argumentações, pratique.

AQUÁRIO (nascimento entre 21/1 a 19/2)

Um pouco de divertimento fará bem não apenas a você, mas também estreitará os laços com essas pessoas que, de tão preocupadas que andam, só erram e cometem trapalhadas. O divertimento produz leveza, alegria e bem-estar.

PEIXES (nascimento entre 20/2 a 20/3)

Termine o que tiver sido iniciado antes de se engajar em novos assuntos. A conclusão do que está em andamento servirá para desanuviar o cenário e, assim, você terá maior criatividade para se dedicar ao novo.

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação