Diversão e Arte

Garoto sofre rejeição por vídeo, mas web se une para consolar e bomba

Menino passou parte da noite chorando por comentários negativos em seu canal do YouTube e acordou com milhares de seguidores após mobilização de adolescente

Jéssica Gotlib
postado em 16/07/2020 17:12
Os três protagonistas do final feliz: Bruno e a irmã Lívia (à esquerda) e Ana Laura, a jovem que viralizou a história, (à direita)Nem só de coisas ruins vive o efeito manada ; a tendência de as pessoas se comportarem de maneira semelhante quando estão em grupo ; na internet. É o que prova o exemplo de Ana Laura Camurça, 16 anos. Ao rolar o feed do Twitter nesta madrugada, ela viu um post que a incomodou e acabou gerando uma comoção.
Na publicação, Lívia Silva Lima, 17 anos, narra o incidente com o irmão mais novo: ;Que ódio, meu irmão está chorando porque alguém deu um monte de dislike no vídeo dele a troco de nada;. O vídeo em questão está hospedado no YouTube, no canal ;ttutos games;, e mostra Bruno Silva Lima, 9 anos, narrando um jogo de Minecraft.[VIDEO1]
"Eu postei o vídeo e fui tomar um banho, aí, quando eu saí do banheiro, estava com oito likes e 12 dislikes. E eu fiquei muito triste", lembra Bruno, ao Correio. Depois de tentar, sem sucesso, consolar o irmão, Lívia recorreu à rede social. "Eu compartilho tudo da minha vida no Twitter, é praticamente um diário. Aí vi ele chorando e postei que eu estava com muita raiva porque tinha gente comentando coisas desagradáveis", comenta Lívia.

A reviravolta

Foi então que Ana Laura decidiu se envolver na história. ;Entrei no canal dele e algumas pessoas já tinham se mobilizado, mas o vídeo estava com 11 dislikes e 20 likes. Pensei que ainda estava muito desproporcional, então resolvi criar mais três contas e fiquei conversando comigo mesma, elogiando e falando que o conteúdo estava muito bom;, explica.
Depois da conversa com os alter-egos que criou, Ana Laura postou a história no próprio perfil do Twitter, fazendo um trocadilho com o filme Fragmentado (2016). A brincadeira viralizou e ajudou a mobilizar muito mais gente na missão de fazer Bruno e Lívia se sentirem bem novamente.
O tuíte não só viralizou (tem mais de 200 mil curtidas) como alavancou os números do canal ;tutos games;, que agora passou dos 17 mil inscritos e cujo vídeo chegou a 8 mil visualizações e 3,7 mil likes. [VIDEO2]

Agradecimentos

Os irmãos Bruno e Lívia afirmam que não poderiam estar mais felizes com a situação e agradecem às pessoas que se solidarizaram com a tristeza do garoto. "Não esperava que fosse dar tanta repercussão e eu não sabia que ele ia conseguir tantos inscritos". diz a mais velha.
"Quando eu fui dormir eu estava com dois mil inscritos e acordei com 13 mil. Eles estão realizando o meu sonho, nunca recebi tantos comentários positivos na minha vida", comenta Bruno que finaliza fazendo planos para o futuro. "Ainda não sei o que quero ser quando crescer, jogador de futebol é meu maior sonho, mas talvez eu seja YouTuber também", finaliza.
Ele mandou um recado de agradecimento para as pessoas que ajudaram: [VIDEO4]
Confira o vídeo que gerou a situação: [VIDEO3]

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação